11.12.13

Em reunião do parlamento, Ana Genezini aborda iluminação pública, reciclagem de óleo e reutilização de água


Temas já geram debates nas Câmaras da região

No último dia 06, sexta-feira, a vereadora Ana Genezini (PTB) abordou três temas distintos durante a Reunião do Parlamento Metropolitano da RMC realizada na Câmara de Vinhedo, todos de grande repercussão para a região.

Os desafios das Prefeituras na gestão da iluminação pública, obrigação da administração municipal a partir de 2014, conforme estabelecido pela Resolução nº 414/10 da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), foi o primeiro assunto na pauta da vereadora. “Nós estamos vendo o quanto essa resolução do governo federal tem trazido problemas aos municípios, gerando impasses e acabaremos por ficar mais um ano com essa indecisão da implantação efetiva dos trabalhos”, enfatizou Ana Genezini.

A parlamentar citou que a CPFL está impedida de continuar a execução dos serviços prestados e tampouco os municípios assumem esse encargo. “Estamos com toda parte de iluminação pública e demais serviços que eram realizados pela CPFL parados, e com isso, deixando de atender a população, que paga o ônus por conta dessa resolução”, concluiu a vereadora após sugerir ao prefeito Milton Serafim que leve o assunto ao Conselho de Desenvolvimento da RMC, do qual o chefe do executivo vinhedense é presidente.

A reciclagem de óleo de cozinha, tema levantado na reunião pelo presidente da Câmara de Louveira, Estanislau Steck (PSD), também ganhou destaque de Ana Genezini. Desde o ano de 2007 a vereadora busca a implantação de um programa de destinação de óleos e gorduras de origem vegetal ou animal de uso culinário no município de Vinhedo, com o devido tratamento e reciclagem do produto. “Prefeito, peço que encampe isso na RMC para que possamos tratar de fato, reciclar o óleo consumido em casa, nos restaurantes, nos estabelecimentos comerciais, postos de gasolina, lançar uma campanha maciça e implantar um programa sólido e eficiente a nível regional”, afirmou.


O último assunto apresentado por Ana Genezini também ao prefeito Milton Serafim, para futuro debate no Conselho da RMC, foi à reutilização da água, as ações de conservação, captação e uso racional da água nas edificações, indústrias, comércios e residências será uma alternativa altamente positiva para promover a educação ao consumo correto evitando o desperdício desse recurso, incluindo redução de gastos e contribuindo com o meio ambiente, e na consequente inconstância do abastecimento durante os períodos de estiagem que tem sido um problema não só no município de Vinhedo como em toda região, principalmente no verão, em que o consumo é elevado. A vereadora sugere que seja criado um programa de conservação e uso racional da água na RMC, com participação do Parlamento e do Conselho regional a fim de que o projeto seja desenvolvido de forma integrada, atendendo às necessidades pontuais  dos 19 municípios.

10.12.13

Governo do Estado assina convênio que disponibiliza verba ao LarCab

Repasse de R$ 30 mil foi conseguindo graças à intermediação da vereadora Ana Genezini (PTB) junto ao deputado federal Ricardo Izar Jr. (PSD)

Nessa quarta-feira, dia 04, a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social assinou 112 convênios que destinam mais de R$ 4,7 milhões de recursos para aquisição de equipamentos para prefeituras e entidades sociais. Dentre as entidades beneficiadas está o LarCab (Lar Carlos Augusto Braga), que receberá verba no valor de R$ 30 mil, já anunciada pela vereadora Ana Genezini (PTB) em maio desse ano após receber ofício do gabinete do deputado federal Ricardo Izar Jr. (PSD) confirmando a aprovação do repasse.

Esta é a segunda vez que Ana Genezini tem seu pedido de verba contemplado pelo deputado, que entregou em dezembro de 2011, R$ 60 mil a serem divididos igualmente entre as entidades CEIVI e LarCab.  A verba atual será utilizada no desenvolvimento de projetos assistenciais às pessoas com deficiência.

 “Precisamos valorizar aqueles deputados que se atentam as necessidade de nossa cidade e nos prestigiam com emendas à Vinhedo. Agradeço imensamente o empenho do deputado Ricardo Izar que vem lutando por verbas em benefício da cidade desde o início do seu mandato, confirmando seu compromisso com nosso município”, enfatizou Ana Genezini.

LarCab e o programa Selando Parcerias

O LarCAB é uma entidade que atende pessoas com deficiência intelectual considerada severa e autistas. A entidade recebe o financiamento pelo Selando Parcerias para execução dos serviços sociais, de assistência em saúde e em educação, especializados em pedagogia, psicopedagogia e de educação para o trabalho.

Atualmente, são 54 pessoas atendidas, com idade que varia de 2 a 44 anos.

Considerada a maior iniciativa social da história de Vinhedo, o Selando Parcerias foi criado pela atual administração ainda em 2009, com o objetivo de aumentar a abrangência de atendimento à população em serviços e projetos nas áreas de assistência social, de educação e de saúde.

Em 2013, pelo programa, quase 1,2 mil moradores são beneficiados com ações direcionadas a crianças, jovens, adultos e idosos que estão em situação de risco ou vulnerabilidade social no município, expandido consideravelmente o atendimento por meio de celebração de convênio com o terceiro setor.


Fonte: http://www.larcab.org.br/
Mais de 6,5 milhões serão repassados em 2014 às entidades sem fins lucrativos como forma de subvenção social. Os projetos a serem financiados pela Prefeitura são de proteção social nas áreas de segurança de sobrevivência (de rendimento e autonomia), de acolhida, de convívio ou vivência familiar, saúde e educação.

6.12.13

Ana Genezini e Alexandre Viola apresentam Moção aos participantes da apresentação de jazz e dança de salão Dirty Dancing


Prossegue até o dia 15 de dezembro, o 5º Festival Popular Arte & Cultura, realizado em Vinhedo, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo. Neste último final de semana, centenas de pessoas acompanharam as apresentações de jazz e dança de salão “Dirty Dancing”, que aconteceu no Teatro Municipal Sylvia de Alencar Matheus.

Devido ao grande sucesso, os vereadores Ana Genezini (PTB) e Alexandre Viola (PPS) elaboraram uma Moção de Aplausos á Professora Lili Rosseti – coreógrafa, dançarina, atriz e cantora; e aos professores Rodrigo Scabbia – Dança de Salão e Cau Silva – teatro.  “Extensivo a todos os cenógrafos, atores, dançarinas e dançarinos que fizeram da apresentação um belíssimo espetáculo, sucesso de público, abrilhantando o 5.º Festival Popular Arte & Cultura de Vinhedo”, completaram os vereadores.

Com um tema que encanta a todos, o filme Dirty Dancing, lançado na década de 80 foi repassado nos palcos do Teatro de Vinhedo com euforia, encanto, beleza e muita dedicação dos professores e alunos, com músicas encantadoras e maravilhosas coreografias”, revelou Alexandre Viola.

Conforme explicou a vereadora Ana Genezini, o espetáculo fez tanto sucesso que foi necessária a realização de uma sessão extra no domingo, no horário das 15h30, em razão da grande procura do público e esgotamento de ingressos. “Isso demonstra a grandiosidade do evento e a dedicação de todos os envolvidos no sentido de apresentar à população de nossa cidade um show de dança, música, arte, talentos e acima de tudo amor, muito amor que é o que torna possível um trabalho se tornar referência e sucesso de público, como foi o caso”, ressaltou Ana.

Ainda na justificativa da Moção, os vereadores enfatizaram o orgulho e a alegria em apresentar a singela homenagem a esses profissionais, dançarinas e dançarinos e todos os envolvidos que representam o município com magnificência na área cultural fazendo aumentar o gosto popular de arte e cultura da população vinhedense.

Os espetáculos do Festival são gratuitos e apresentados pelos alunos dos três centros culturais mantidos pela Prefeitura- região Central, Capela e Vila João XXIII. Os ingressos devem ser retirados na bilheteria do teatro a partir das 15h dos dias das apresentações.

Agenda

No próximo final de semana (7 e 8) é a vez das apresentações de ballet com o “Castelo Mal Assombrado”, às 15h30 e 19h00 nos dois dias.

O 5º Festival Popular Arte & Cultura de Vinhedo prossegue no dia 14, com danças urbanas (hip hop), com o tema “Block Party”, às 19h00, e termina dia 15 com dança do ventre com a coreografia “Flores”, às 17h00 e 20h00.


Para quem gosta de artes visuais tem a exposição dos alunos dessa área no Centro Cultural Engenheiro Guerino Mário Pescarini, na Rua Monteiro de Barros 101, também com entrada franca.





Ana Genezini homenageia expositores da 5ª edição de O Sagrado no Memorial

A 5ª edição da exposição “O Sagrado no Memorial” teve início no sábado, dia 30 de novembro, no Memorial do Imigrante. Estão expostas 23 obras cedidas por 19 moradores de Vinhedo. A mostra é uma iniciativa da Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo, e tem entrada franca.

A vereadora Ana Genezini (PTB) é autora da Moção de Congratulações ao prefeito Milton Serafim (PTB), Secretário Paulo Mattos e à todos os artistas que cederam as obras para a exposição [Neusa Leal de Almeida, Cleonice Regiolli, Jurema Quattrer Fardo, Leandro Suhr, Alvaro Nicoletti Filho, Associação dos Artesãos de Vinhedo, Elaine Cristina Pereira, Celina Rosineide Labella de Lima, Maria do Carmo Zaccarelli, Aparecida R. Torrezin Torres, Marta Carvalho Pires, Inês B. Sauerbronn, Odilena Bertazzoli Zappala, Maria Rita de Carvalho Mazzante, Julia de Jesus Souza, Milton César Rodrigues, Ivete Sant'Anna, Maria Inês da Silveira Barreto e  Maria Ivone Degelo].

Apresentamos, através desta singela Moção de Aplausos nossos cumprimentos à Secretaria de Cultura de Turismo pela realização da exposição nesse ano, e com certeza, será de pleno êxito”, disse a vereadora.

A exposição fica aberta para visitação até o dia 15 de janeiro, de segunda à sexta-feira, das 9h00 às 16h00; aos sábados e domingos das 10h às 16h. Nos dias 24 e 31 de dezembro o horário será das 9h00 às 12h00, fechando nos dias 25 de dezembro e 1º de janeiro de 2014.


Importante dizer que não se trata apenas de uma exposição de arte cristã, mas, sim, de uma exposição que tenta trazer de novo a mensagem de Cristo, que é de comunhão”, declarou Ana Genezini.





4.12.13

Ana Genezini requer estacionamento em 45º para rua Gabriela Macari no Portal da Esperança

Na 39ª Sessão Ordinária, realizada no dia 25, a vereadora Ana Genezini (PTB) reiterou sua Indicação de nº 1470/2013, na qual requer a implantação de estacionamento em 45º ou bolsão na rua Gabriela Macari, ao lado dos apartamentos do Portal da Esperança.

Estou formalizando novamente esta sugestão por meio de Indicação, pois a proposta partiu de pessoas que estão estabelecidas naquela região e sabem da necessidade de mais vagas para estacionamento”, revelou Ana Genezini.

A vereadora ainda expos o problema do acúmulo de lixo na rua Gabriela Macari. “Com a implantação de um estacionamento no referido local, o ambiente se manterá limpo, o trânsito desafogará trazendo mais segurança aos moradores do local e aumentando a beleza da visibilidade do mesmo”, justificou Ana Genezini.


Outras Indicações

A vereadora Ana Genezini também é autora da Indicação de nº 1926/2013,  que solicita estudos da Secretaria de Transporte e Defesa Social, para a implantação de mão única de tráfego na rua São Felipe no trecho  compreendido da esquina da rua Guido Cinci até a rua São Lucas, no Jardim São Matheus, próximo a Escola Estadual Israel Schoba.

Para a vereadora,  a alteração do sentido de direção da referida rua irá beneficiar alunos, frequentadores do espaço de lazer do bairro, moradores e transeuntes. “Vários moradores no referido trecho da rua São Felipe fazem a solicitação de mão única de trafego em razão do local comportar uma escola, clube, piscina e campo de futebol do Jardim São Matheus, o que torna o fluxo de veículos e também pedestres muito intensos. Há que se considerar ainda que a referida rua mantém estacionamento de veículo dos dois lados e a via é de largura estreita, o que prejudica todos os que circulam e moram no local”.


Em outra propositura, Ana Genezini pede que placas de orientação sejam implantadas na entrada dos bairros Colinas de San Diego e Pinheirinho, na Estrada da Boiada. Na justificativa da Indicação de nº 1928/2013, “Tal solicitação se faz necessária, uma vez que nas entradas dos respectivos bairros não há a devida orientação, acabando por confundir quem precisa encaminhar-se aos mesmos”.

2.12.13

Moção de Ana Genezini destaca Dia da Consciência Negra


Fonte: Google Imagens
A Moção de Congratulações à população vinhedense pelo transcurso do Dia da Consciência Negra, comemorado todo dia 20 de novembro,  foi apresentada durante a 39ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Vinhedo. A proposição da vereadora Ana Genezini (PTB) homenageia a família da senhora Aurora Bueno Sudário, falecida em 9 de dezembro de 1997, aos 106 anos de idade.

De acordo com Ana Genezini a discriminação racial é fruto de uma sociedade de desigualdades. “Precisamos trabalhar por políticas públicas que busquem pela igualdade e direitos e esta vereadora, se compromete com a causa da igualdade, com aquilo que diz nossa Constituição Federal”.

A vereadora disse que é preciso respeitar a diversidade em nosso país e que o Dia da Consciência Negra deve ser dedicado à reflexão sobre a inserção do negro na sociedade brasileira. “A data foi escolhida por coincidir com a morte de Zumbi dos Palmares, que em 1695 foi assassinado. Ele foi um dos líderes que se transformou em um grande ícone da resistência negra ao escravismo e que lutou por ideais grandiosos, tais como igualdade e justiça social”, explicou Ana Genezini.


Intensa dívida ainda permanece para com os negros. Serão necessários imensuráveis esforços de toda a sociedade para se estabelecer uma relação igualitária que consiga superar as desigualdades sociais e de oportunidades, decorrentes de anos de escravidão, preconceitos expressos e velados e do cerceamento a mecanismos de atuação da cidadania”, finalizou Ana Genezini.

Mesa diretiva da Câmara participa de sorteio do CDHU para pessoas com deficiência

Presidente Rubens Nunes (PR), Ana Genezini e Márcio Melle acompanharam o sorteio dos sete apartamentos

Na manhã dessa quinta-feira, 28, a Companhia de Desenvolvimento Habitacional Urbano (CDHU) do Governo do Estado de São Paulo e a Prefeitura de Vinhedo realizaram o sorteio dos apartamentos destinados às pessoas com deficiências. O presidente da Câmara, vereador Rubens Nunes (PR), a 1ª secretária Ana Genezini (PTB) e o 2º secretário Márcio Melle (PSB) participaram do sorteio junto ao secretário municipal de Habitação, Mario Cesar Campos “Balu”, e ao coordenador da CDHU regional Campinas, Milton Dolce.

Seguindo os critérios da CDHU, foram sorteados os sete apartamentos reservados para pessoas com deficiência do Conjunto Habitacional Vinhedo “F”, construído na confluência das ruas Bruxelas e Antônio Bucci, na divisa dos bairros Vida Nova I e Altos do Morumbi. A reserva de moradias às pessoas com deficiência é prevista pela Lei Municipal nº 3.562/2013, a qual determina que os programas habitacionais em Vinhedo, executados direta ou indiretamente pela Prefeitura, como casas, apartamentos, lotes urbanizados, entre outros, devem destinar 7% do total de imóveis compromissados à venda a pessoas com deficiência ou a famílias que as possuam.

Antes do sorteio o presidente Rubens Nunes falou aos presentes, momento em que desejou sorte aos inscritos e destacou a política habitacional do município. “Apesar do sorteio de hoje se resumir aos últimos sete apartamentos do mais novo conjunto habitacional da cidade, o prefeito Milton Serafim e a Secretaria de Habitação tem um planejamento para a entrega de mais 1000 moradias até 2016, inclusive com novas unidades já aprovada na CDHU e outras tantas já com os pedidos encaminhados ao governador Geraldo Alckmin; esse trabalho conjunto do Executivo com o Legislativo, que sempre aprova e encaminha projetos sobre a temática, irá diminuir de forma considerável o déficit habitacional”.


Nessa manhã foram sorteadas sete famílias e mais setes suplentes, para preencherem as vagas abertas caso algum dos beneficiados seja impedido de receber a moradia por não preencher algum dos requisitos impostos pelo programa. Cada um dos 14 sorteados ainda passará por perícia médica para comprovar a deficiência alegada à época da inscrição.