30.5.14

Vereadores prestigiam a 6ª Edição do Prêmio Nacional de Música Católica


Troféu Louvemos o Senhor aconteceu na Rede Século XXI na noite de quarta-feira

Considerado o maior Prêmio Nacional da Música Católica Brasileira, o “Troféu Louvemos o Senhor” aconteceu na noite de 28 de maio, com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Vinhedo, Rubens Nunes (PR), vereadores Ana Genezini (PTB), Carlinhos Paffaro (PR) e do prefeito Jaime Cruz, na Rede Século XXI.

As autoridades foram recebidas pessoalmente pelo Padre Eduardo Dougherty, idealizador da Rede Século XXI, que comentou algumas das iniciativas da Rede. “Nós começamos produzindo material para outras emissoras de TV e com o tempo, sentimos necessidade de ter nossa própria emissora. Hoje, temos cinco estúdios e mais de 240 funcionários e, além da TV temos outras formas de evangelização como o portal RS21 e os cursos de ensino à distância (EAD)”.

 O primeiro prêmio da noite, Melhor Canção Litúrgica foi ganho por “Pela Graça”, do cantor Tony Allyson, que também venceu na categoria “Personalidade Artística do ano”. Nazaré Fernandes também ganhou dois prêmios no Troféu: Intérprete feminino e revelação artística do ano. Já Intérprete masculino foi ganho por Altemar Dutra Jr.

A Banda Rosa de Saron, que venceu quatro categorias na Premiação Técnica do Troféu, ganhou outros três prêmios na noite da premiação artística. A música “aurora” foi eleita a música do ano , Guilherme de Sá levou a categoria “Cantor de Banda” e o DVD Latitude, Longitude ganhou como DVD do Ano.

“Vós sois o sal da Terra” da banda Comunidade católica Maranathá venceu na categoria “Melhor álbum independente” e “Louvor acústico 2 “ levou o prêmio em “Melhor álbum alternativo”. A banda Estação 12 conquistou a categoria de “ Melhor álbum rock” pelo disco “Abra-te”. Já a categoria “Melhor álbum pop” ficou por conta do disco “180 º” da banda Missionário Shalom”. Adriana Arydes também foi prestigiada e levou o prêmio de melhor cantora solo.

Carlinhos Paffaro deixou a seguinte mensagem; “É maravilhoso como Deus trabalha em nossas vidas. Foi uma noite inesquecível”.

Rubens Nunes disse ser uma noite muito agradável. “Ficamos felizes com o convite. Parabéns ao padre Eduardo que sempre busca oferecer uma abordagem inovadora ao catolicismo, principalmente para os jovens, renovando os cultos”.


Ana Genezini disse estar emocionada com as apresentações. “Sou católica e tenho muito apreço pela Rede Século XXI, que transmite programação de qualidade, unindo milhares e milhares de famílias”, finalizou.

Ana Genezini e demais vereadores entregam moção a equipes de ginástica artística infantil e pré-infantil

Equipes receberam premiações em competições da Federação Intermunicipal realizadas em Salto e Vinhedo nos dias 26 e 27 de abril

Diversos alunos das equipes de ginástica artística da Prefeitura de Vinhedo visitaram a Câmara nessa segunda-feira, 26, para receber das mãos dos vereadores os certificados da Moção de Aplausos que homenageia o desempenho dos times infantil e pré-infantil em competições realizadas em Vinhedo e na cidade de Salto, nos dias 26 e 27 de abril. A moção, de autoria da 1ª secretária Ana Genezini (PTB), foi subscrita pelo presidente da Câmara, Rubens Nunes (PR), e pelos vereadores Alexandre Viola (PPS), Carlinhos Paffaro (PR), Paulinho Palmeira (PSB), Val Rodashow (PTB), Nil Ramos (PROS) e Márcio Melle (PSB).

Ao todo, as equipes conquistaram 27 medalhas nas duas competições. A primeira prova foi no sábado (26), da equipe pré-Infantil de Ginástica Artística feminina, em competição da Federação Intermunicipal, realizada na cidade de Salto. Foi a primeira participação da equipe vinhedense nessa competição e já conquistou o primeiro lugar com 14 medalhas, sendo 4 de ouro, 3 de prata e 7 de bronze.

A competição é direcionada para ginastas de nível técnico intermediário e são premiadas as cinco ginastas com as melhores notas em cada prova, como trave de equilíbrio, barras paralelas, solo e salto.

A equipe vinhedense foi formada por Valentina Fernandes da Silva, Mariana da Silva Almeida, Maria Eduarda dos Santos Neres, Luana Beatriz Corres, Yasmin Correa de Souza, Maria Clara Alberto Roberto, Beatriz de Jesus Souza, Isadora Agostinho Lurchetti, Camila Ferreira Solla, Isabella Fernanda Rojas, Nicole Valério dos Santos, Nicolly Ramos Damasio, sob o comando da professora Juliana Amorin de Souza.

No domingo (27), foi a vez da equipe masculina de ginástica artística, participar da prova da Federação Intermunicipal, realizada aqui em Vinhedo. A categoria também conquistou o primeiro lugar na competição, com 13 medalhas, sendo 5 de ouro, 4 de prata e 4 de bronze.

A competição é direcionada para ginastas de nível técnico avançado e são premiados os três atletas com as melhores notas obtidas em cada prova, que são barra fixa, salto, solo, cavalo com alças, argolas e barras paralelas.

A equipe vinhedense foi formada por Guilherme Polizel, Gabriel Perez, Nathan Carreiro, Rafael David, Augusto Borges, Bruno Doi Ryo e Ian Araujo, sob a orientação do professor Fábio Cruz.

A Moção foi entregue, no plenário da Câmara, aos professores Fábio Cruz e Juliana Amorin de Souza, ao secretário de Esportes e Lazer Gustavo Zampieri, o “Tubarão”, e a todos os alunos que participaram das competições.


Mais uma vez a ginástica artística vinhedense tem sido destaque em competições na região, esse trabalho realizado pela Secretaria de Esportes e seus excelentes profissionais está formando novos atletas e atraindo novos adeptos às práticas esportivas, é preciso valorizar esse tipo de ação que enriquece nossa sociedade contribuindo com a formação de cidadãos de bem”, enfatizou Ana Genezini.

29.5.14

Ana Genezini se reúne com Prefeito, diretores da AVEHA e pais de alunos

Grupo discutiu possibilidade de construção de nova sede para a região da Capela

Nessa segunda-feira, 26, a vereadora Ana Genezini (PTB) se reuniu com prefeito Jaime Cruz, representantes da diretoria da Associação Vinhedense de Educação de Homem de Amanhã (AVEHA) e pais de alunos para discutir a possibilidade de cessão de terreno para a construção de sede da entidade na região da Capela.

Representando a AVEHA, estiveram presentes o presidente Francisco Brescansin e os membros Gercindo Zarpelon, Antonio Carlos Manica e Wanderlei Castilho, enquanto que representando os pais de aluno residentes na região da Capela estiveram Alício Nogueira, Giani Santos Silva, Clarice de Resende Fonseca e Francisca da Silva.

Na reunião, realizada no gabinete do prefeito, os diretores expuseram que 70% dos alunos da AVEHA são moradores da Capela e destacaram a necessidade de uma sede naquele bairro. Eles solicitaram que a Prefeitura de Vinhedo promova a cessão de uso de um terreno existente na Rua Juliana Von Zuben.

A AVEHA é uma tradicional instituição vinhedense reconhecida pelo trabalho realizado junto aos jovens vinhedenses, inserindo-os no mercado de trabalho e contribuindo para a formação de cidadãos conscientes e envolvidos com a comunidade; a Capela é a região mais populosa do município e há tempos precisa de uma sede própria da associação para melhor atender aos moradores da localidade e também permitir a ampliação do trabalho realizado”, explicou Ana Genezini.

AVEHA

A Associação Vinhedense de Educação do Homem de Amanhã (AVEHA) é uma Organização Não Governamental (ONG) fundada em 17 de julho de 1975, cuja atuação tem como principal finalidade a capacitação para o trabalho de jovens vinhedenses e sua inserção no mercado de trabalho, através do encaminhamento às empresas públicas e privadas de Vinhedo.

A AVEHA desenvolve suas atividades de assistência e promoção do adolescente sempre de acordo com projetos registrados e aprovados pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) de Vinhedo.

27.5.14

Ana Genezini e Edu Gelmi entregam diplomas de moção a alunas de dança do projeto Oficinas Culturais

Grupos das professoras Lucimar Bruniéri e Lili Rosseti foram homenageados

No final da tarde dessa quarta-feira, 21, a 1ª secretária Ana Genezini (PTB) e o também vereador Edu Gelmi (PMDB) visitaram o Centro Cultural Engenheiro Guerino Mário Pescarini, no Centro, para entregar pessoalmente às alunas e professoras de dança do projeto Oficinas Culturais os diplomas das moções em homenagem ao trabalho realizado pelos grupos. O secretário de Cultura, Adriano Corazzari, acompanhou os parlamentares.

A moção nº 120 foi dedicada ao secretário de Cultura, à professora e coordenadora artística Lucimar Bruniéri, estendido à professora Daiana Melle, e às vinte e uma alunas que foram premiadas no 18º Dançarte, festival que ocorreu em Salto entre os dias 25 e 27 de abril e contou com representantes de diversas cidades do estado.

O Dançarte recebeu trabalhos coreógrafos nas modalidades clássico livre e repertório, neoclássico, moderno, contemporâneo, livre, sapateado americano, sapateado irlandês, dança folclórica, jazz, dança de salão, dança do ventre, hip hop, country e dança de rua.

As representantes de Vinhedo apresentaram seis coreografias sob direção da professora e coordenadora artística Lucimar Bruniéri e foram classificadas em primeiro lugar na modalidade jazz juvenil conjunto. O grupo também conquistou o 2º lugar na categoria livre juvenil conjunto e 3º lugar no jazz infantil conjunto, no solo juvenil e no solo adulto.

A segunda moção, de nº 121, que foi subscrita por todos vereadores, foi dedicada à professora, atriz, cantora e coreógrafa Lili Rosseti pela apresentação Pocket Show Dirty Dancing realizada ao final da 3ª Sessão Solene da 16ª Legislatura, cerimônia de entrega de títulos da Câmara Municipal ocorrida no dia 24 de abril.


Os vereadores entregaram os diplomas pessoalmente a cada aluna e professora, durante as aulas das 16 horas. “É gratificante ver a satisfação dos homenageados, devemos valorizar os trabalhos realizados pelos vinhedenses, que todos os anos se destacam na região e em todo o Estado; essa sucesso das oficinas culturais municipais é fruto do ótimo trabalho realizado por Adriano Corazzari à frente da cultura vinhedense e do empenho dos profissionais e alunos”, enfatizaram Ana Genezini e Edu Gelmi.

22.5.14

Ana Genezini e Paulinho Palmeira solicitam troca de lâmpadas ao gerente da CPFL

Vereadores encaminharam lista indicando os pontos da cidade que precisam do reparo

Na semana passada os vereadores Paulinho Palmeira (PSB), que preside a Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara, e Ana Genezini (PTB) entraram em contato com o gerente de negócios da CPFL Piratininga, Rogério Moura, para solicitar à concessionária distribuidora de energia elétrica a substituição de lâmpadas queimadas em postes da cidade.

Após primeiro contato via telefone, os parlamentares encaminharam por e-mail lista detalhando os locais onde o serviço precisa ser realizado. Só na Avenida Independência, 18 postes, distribuídos nos dois sentidos da via, precisam de novas lâmpadas.

A melhoria também foi solicitada para as ruas Alfredo Acchar, São Paulo, 09 de Julho, 02 de Abril, Monteiro de Barros, Felício Rossi, João Corazzari, Célio José da Cruz, Julio Palaro, das Cerejeiras, Santa Cruz e Avenida Flamengo.

A CPFL tem sido bastante atenciosa quanto aos nossos pedidos, pois a troca de lâmpadas queimadas é um serviço de manutenção que deve ser realizado regularmente, e nem sempre a concessionária tem conhecimento de todos os pontos que precisam da substituição; esse contato direto com o responsável pela prestação do serviço facilita a execução da melhoria e é imprescindível para a segurança das pessoas”, explicou Paulinho Palmeira.

A vereadora Ana Genezini solicitou ainda substituição de lâmpadas na Avenida da Saudade, o que já foi efetuado pela CPFL, bem como, colocação de luminárias nas ruas Amor Perfeito e Nicolau Von Zuben, no bairro da Capela. “Estamos tentando utilizar os serviços da CPFL que serão prestados somente até dezembro desse ano para substituição do maior número possível de lâmpadas queimadas na cidade, visando garantir maior segurança a nossa população; as pessoas que tiverem informações de locais que necessitem de reparos podem entrar em contato com os vereadores e passar o endereço, para solicitarmos as providências necessárias”.

21.5.14

Ana Genezini lê carta aberta dos servidores da saúde em apoio a categoria

A parlamentar questiona o foco da Comissão Parlamentar de Inquérito,  destinada à apurar os motivos do rompimento do contrato entre a Prefeitura e a Santa Casa, desvirtuando o tema para a saúde pública do município

Os servidores municipais da Saúde em busca de esclarecimentos dos fatos divulgados pela mídia nas últimas semanas entregaram à vereadora Ana Genezini (PTB), uma carta aberta, na qual reafirmam o compromisso social dos profissionais da área.

Para os servidores municipais da Saúde, alguns vereadores estão envolvendo os profissionais em denúncias mal apuradas, distorcendo a situação da Santa Casa com a saúde pública do município.

A vereadora Ana Genezini defendeu a categoria durante a 57ª Sessão Ordinária, sendo a escolhida para ler uma carta aberta encaminhada ao Legislativo.  “Não tem ninguém nesta Casa, nem na Secretaria da Saúde, contrário às apurações da CPI. Eu vou usar meu tempo de Tribuna para ler uma carta aberta, endereçada a todos nós vereadores, porque eu quero dar voz aos funcionários da saúde dentro deste Legislativo”, disse.

Segundo a parlamentar, foram lançados sentimentos de insegurança e incerteza sobre os servidores municipais da Saúde e sobre toda a população vinhedense. “Queremos que se apure tudo que houver para ser apurado e se existirem culpados que se encaminhe para as providências pertinentes; o que não dá para entender são situações e matérias veiculadas que estão expondo a todos”, completou.

Sobre a oitiva da secretária de Saúde, Nádia Capovilla, ocorrida no último dia 13 de maio, Ana Genezini demonstrou satisfação. “A secretária Nádia Capovilla veio aqui e mostrou que conhece muito bem o que faz. A gente até pode ter problemas administrativos ou pontuais que precisam ser revistos, mas, nós precisamos agradecer a secretária de Saúde, por ter dado os esclarecimentos à CPI da Saúde. Muitos até poderão dizer que era uma obrigação da secretária; eu acho que a secretária fez de fato o seu papel, mas ela veio aqui e não se utilizou da prerrogativa do habeas corpus para ficar calada e muito menos se utilizou do seu direito de permanecer em silêncio;  por fim, colaborou de forma esclarecedora para a CPI, elucidando diversos aspectos importantes”.


Carta aberta

“Hoje voltamos a esta Casa na tentativa de esclarecer o porquê de procurarmos os senhores, ou seja, para pedir que sejam esclarecidos os fatos que estão chegando a população vinhedense pela imprensa. Não queríamos acusar ninguém injustamente, mas nomes citados na carta entregue nesta Casa foram de vereadores que realmente estiveram nas unidades e se as informações da imprensa não conferem com os fatos acontecidos, não cabe a nós esclarecermos.

Estamos apenas pedindo para que quando acontecerem as visitas, se algum  problema for visualizado pelos senhores, relatados por nós ou pela própria população, antes que chegue a imprensa, que estes sejam investigados e encaminhados ao gestor, o qual tem todo interesse em apurar os fatos e solucionar os problemas, se necessário  punir funcionários que estejam denegrindo nossa categoria.

A exposição negativa envolvendo a rede de saúde na imprensa local, dá a população o sentimento de receio ao se dirigir às unidades básicas de saúde. Isso nós sentimentos aos recepcioná-los em nossos locais de trabalho.

Esperamos que a CPI da Santa Casa continue desenvolvendo o seu trabalho com a mesma responsabilidade que também se exige de nós funcionários da saúde. Torcemos para que tudo transcorra na mais perfeita ordem e sem desgastes, afinal é um assunto tão polêmico e tão controverso.

Busquem este assunto nos comentários do Facebook e verão que as opiniões tantas vezes já mudaram, até mesmo entre os integrantes desta Casa. Mas, acreditamos que todos querem a mesma coisa, o bem para a população de Vinhedo.

 Somos funcionários públicos concursados, prestadores de serviços da Prefeitura, íntegros e conhecedores de nossos direitos e da nossa obrigação de cuidar da população. Basta ver em números de atendimento, a quantidade e qualidade dos serviços oferecidos e o número de pessoas de cidades vizinhas que procuram nossos serviços por não terem em seus municípios os mesmos cuidados, isso é reflexo do bom trabalho que fazemos, o qual gostaríamos que fosse respeitado por todos.  E para isso é necessário que o respeito venha também desta Casa onde se encontram tantos eleitos pelo povo.

 Buscamos esta Casa porque compartilhamos da mesma função, trabalhar pela população e a partir do momento em que assumimos um concurso público, é esta a nossa obrigação.


Não esperávamos que num país democrático, essa Casa recebesse nossa reivindicação com tanto repúdio, chegando ao ponto de nos ameaçar com processos judiciais, com o intuito de nos causar constrangimento e medo, de sermos chamados de ‘pouco inteligentes’, como infelizmente aconteceu no dia 12 deste mês. Estamos em nossos locais de serviço sempre a disposição dos senhores”.

16.5.14

Ana Genezini aborda melhorias para o bairro Altos do Morumbi durante sessão ordinária

Vereadora citou melhorias realizadas pela Prefeitura na semana passada

Durante seu discurso na 56ª sessão ordinária, realizada nessa segunda-feira, 12, a vereadora Ana Genezini (PTB) comentou sobre a instalação de iluminação pública, por parte da Prefeitura, em área verde existente entre os bairros dos Altos do Morumbi e Vida Nova I.

A parlamentar relembrou que desde 2011 solicitava à municipalidade a realização da melhoria, atendida na semana passada pela Secretaria de Serviços, que também fez a limpeza do local, com recolhimento de lixo e poda de árvores.

Quero cumprimentar a Associação de Moradores do Altos do Morumbi e todos os demais envolvidos nessa ação em prol do bairro; a vontade política faz toda a diferença para que melhorias como essa aconteçam”, enfatizou.

Ana Genezini continuou a discorrer sobre o tema, reforçando o pedido para urbanização do local, que data também de 2011, com a instalação de bancos de descanso, parquinho infantil e outras opções de lazer que possam atender aos bairros dos Altos do Morumbi e Vida Nova I.

Outras indicações


A parlamentar também é autora da indicação nº 54/2013, que solicita a ampliação dos horários da linha 404 de ônibus, que faz o trajeto entre os bairros da Capela, Vida Nova I, Altos do Morumbi, Bosque das Araras, Nova Vinhedo e Centro.

Ana Genezini reforça pedido à Sanebavi para córrego da Avenida 1º de maio

Constantemente, a vereadora Ana Genezini (PTB) tem reforçado junto a Sanebavi, pedidos para melhorias no bairro Jardim Von Zuben, mais especificamente na Avenida 1º de Maio.  No início do ano, Ana Genezini encaminhou ofício  ao superintendente da autarquia, Odair Seraphim, o “Canjica” e  ao secretário de Obras, Augusto Braccialli.

Ocorre que esta vereadora vem recebendo inúmeras reclamações de moradores sobre o forte odor que exala do córrego da Capela, que acaba por invadir as residências, provavelmente proveniente de esgoto que ainda corre no leito do córrego”, relatou na época.

No mês de maio, a vereadora voltou a solicitar o posicionamento da Sanebavi, através de email. E, durante a 56ª Sessão, ocorrida nesta semana, a parlamentar voltou a tratar do assunto, desta vez, em aparte durante discurso do vereador Nil Ramos (PROS).

Vários questionamentos foram feitos pela vereadora, como por exemplo, se o referido córrego já possui coleta de esgoto,  se a rede já se encontra interligada ou se por ventura, pode estar ocorrendo despejo de esgoto diretamente no córrego.

Na manhã desta quarta-feira, o superintendente da Sabenavi, se posicionou sobre o assunto. “A Sanebavi já está fazendo manutenção em toda a rede, pois havia muitas interferências de materiais jogados na rede. Estamos resolvendo estes problemas e fazendo vistorias diariamente na região, pois vazou um pouco de esgoto”, explicou Odair Seraphim, o “Canjica”.
  
Mais  Melhorias


Outra obra de melhoria sugerida pela vereadora Ana Genzini é a construção de gabião nas margens do córrego da Avenida 1º de maio. “Estamos juntos na busca de soluções desse problema, pois é de tamanha importância para nós que as pessoas que moram no citado bairro estejam sempre seguras, com cuidados voltados à saúde pública e satisfeitas”, revela.

Operadoras de Planos de Saúde não terão anistia na aplicação de multas por Agência reguladora


Ana Genezini pediu veto presidencial em defesa dos consumidores com base no prejuízo acarretado aos usuários de planos de saúde

Desde que foi aprovada pela Câmara dos Deputados a Medida Provisória 627, que contém um artigo que limita o poder de aplicação de multas pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), às operadoras de planos de saúde que infringirem as normas aplicáveis à sua atuação,  a vereadora Ana Genzini (PTB) tem acompanhado a tramitação da MP.

 Em Moção de Apelo encaminhada no mês de abril à presidente Dilma Rousseff, Ana Genzini relata que a medida foi tomada sem qualquer discussão junto à população e ao Sistema de Defesa do Consumidor, representando um retrocesso à proteção dos consumidores; “na prática, estabelece um evidente estímulo às operadoras para desrespeitarem as normas às quais devem se submeter dada a fragilidade das sanções a que ficarão submetidas, em cada violação que cometerem aos direitos dos consumidores”, explicou.

A resposta a Moção de Apelo datada de 09 de maio,   foi lida em plenário, durante esta última Sessão Ordinária, informando à vereadora Ana Genezini que pela natureza do assunto, o documento seria encaminhado à Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República.

Nesta quarta-feira, dia 14,  Ana Genezini tomou conhecimento de que o artigo 101 que permitiria a alteração, beneficiando as operados de planos de saúde, foi vetado pela Presidente Dilma Rousseff, conforme publicação do “Diário Oficial da União”. Na prática, hoje, se uma operadora negar um procedimento, como uma cirurgia, pode pagar uma multa de R$ 80 mil. Se a negativa de cobertura ocorrer 50 vezes, teria que pagar R$ 4 milhões. Com a nova regra proposta, e se entrasse em vigor, a multa cairia de R$ 4 milhões para R$ 160 mil.

 “Se aprovada fosse a alteração, a medida implicaria em beneficiar diretamente as operadoras de saúde, incentivando inclusive à prestação inadequada de serviços aos usuários de convênios de planos de saúde, e o Governo Federal estaria premiando os maus serviços prestados por essas empresas, que já deixam de cumprir, muitas vezes, os contratos firmados. A ação de veto da presidente Dilma era o que eu esperava ao fazer a Moção de Apelo e foi muito pertinente”, comentou Ana Genezini.
  
Entenda o caso


Atualmente, as operadoras pagam multas que variam de R$ 5 mil a R$ 1 milhão por infração cometida. O valor é multiplicado pelo número de ocorrências. A nova medida criava uma tabela, válida até o dia 31 de dezembro. Se o plano de saúde cometesse de 2 a 50 infrações do mesmo tipo, pagaria multa por apenas duas infrações, considerando a de maior valor. O último patamar seria acima de 1.000 infrações. Neste caso, o plano pagaria como se tivesse cometido apenas 20 infrações. Também seriam cobradas pela de maior valor.

12.5.14

Vereadores votam na eleição para novos representantes do Conselho Municipal de Saúde

Acontece nesta semana, nas unidades de atendimento de saúde de Vinhedo, a eleição da nova mesa diretora do Conselho Municipal de Saúde. Com a participação da população e dos vereadores Ana Genezini (PTB), Carlinhos Paffaro (PR), Paulinho Palmeira e Márcio Melle (ambos PSB), um novo nome será escolhido para ocupar a presidência do Conselho.

São oito vagas disponíveis para trabalhadores da Rede Municipal de Saúde, que devem ser funcionários da Secretaria Municipal da Saúde e não podem desempenhar o cargo de direção ou de confiança. Dezesseis pessoas ocuparão as vagas destinadas aos usuários da Rede Municipal de Saúde.

As funções dos conselheiros de saúde não são remuneradas, considerando o seu exercício de relevância pública, garantindo a dispensa do trabalho sem prejuízo para o conselheiro que, no exercício de suas funções, responde pelos seus atos conforme legislação vigente.

O Conselho de Saúde é uma instância colegiada, deliberativa e permanente do SUS - Sistema Único de Saúde de Vinhedo e integrante da estrutura organizacional da Secretaria Municipal de Saúde. Sua composição e competência estão fixadas na Lei Municipal no 3.334/2010. A organização e funcionamento estão definidos em seu regimento interno, elaborado e aprovado pelo plenário, de conformidade com o estabelecido na Lei Federal no 8.142/1990.

Veja o que disseram os vereadores
  
Para Ana Genezini, o Conselho Municipal de Saúde é muito importante para a cidade, pois é a principal fonte elaboradora de diretrizes para o melhor funcionamento do serviço. “A função do Conselho é fiscalizar a aplicação dos recursos que são repassados para a Secretaria Municipal de Saúde e aprofundar a participação da sociedade na formulação, acompanhamento e fiscalização das políticas públicas na área. E, é nosso dever, como agentes políticos, auxiliar para que o usuário tenha acesso a todos os serviços públicos de saúde com excelência”.

Paulinho Palmeira fez questão de votar, pois vê o Conselho como um canal de diálogo entre a população e o Poder Público. “A democracia avança quando o cidadão enxerga representatividade nos atos da Administração, não somente pelo vereador, mas além deste, como por exemplo, os conselheiros”.

Todo o processo para eleição dos novos conselheiros foi acompanhado de perto por Carlinhos Paffaro, que elogiou a forma transparente das ações. “Por toda minha experiência, posso afirmar que o Conselho é um espelho da sociedade, uma ferramenta influente onde as forças sociais e políticas se encontram”.


Márcio Melle parabenizou todos os candidatos e disse manter as portas de seu gabinete sempre abertas. “O Conselho garante um espaço legítimo de participação popular e estou confiante que a nova diretoria terá um olhar focado nos clamores da nossa  comunidade”.

Ana Genezini comemora reposição de ponto de ônibus na rua João Edueta

A vereadora Ana Genezini (PTB) recebeu nesta semana uma grande notícia, é que a Prefeitura de Vinhedo irá iniciar a instalação de um ponto de ônibus na rua João Edueta na Capela. A reivindicação da vereadora é antiga, desde maio de 2012 e  já foi reiterada cinco vezes.

Da Tribuna, nesta última sessão ordinária, Ana Genezini parabenizou a Secretaria de Transportes e Defesa Social pelas obras de instalação que acontecem em diversos pontos da cidade, como na Av. Independência com Praça Francisco Hitner, que irá substituir com vantagens o ponto atual localizado em frente à Santa Casa de Vinhedo.

Conforme apurou a vereadora, o ponto terá cobertura aproximada de 15 metros de comprimento por 2 metros de largura e 2,50 cm de altura. Terá cobertura acústica, iluminação embutida, banco em fibra de vidro, calha para escoamento de água de chuva e fechamento em vidro temperado.

Além desse ponto, a Prefeitura prevê a instalação de mais cinco novos pontos com aproximadamente 3 metros de comprimento por 1,60 cm de largura e 2,75 cm de altura, com cobertura de policarbonato e banco em chapa de aço perfurado. 

Eu fiquei feliz que dentre todos os locais elencados para receber os novos pontos de ônibus, está também a rua João Edueta, que há anos cobramos pela reposição do ponto neste local, que é de grande utilização por todos que residem naquela região da Capela”.


Os novos pontos de ônibus terão adaptação para idosos e pessoas com necessidades especiais, facilitando assim o embarque e o desembarque dos passageiros nessas condições.  “A acessibilidade é uma condição básica para a inclusão social das pessoas com deficiências ou que tenham necessidades especiais. Parabéns ao Poder Executivo que trata deste tema com prioridade a fim de garantir a todos a acessibilidade plena”, disse Ana Genezini.