27.2.15

Após cobrança de Ana Genezini, Estado já entrega na rede municipal 30 medicamentos que estavam em falta

Requerimento da vereadora sobre o tema foi aprovada essa semana

O requerimento de Ana Genezini (PTB) solicitando informações acerca dos medicamentos oferecidos pela Prefeitura e/ou pelo Estado aos munícipes vinhedenses foi apresentado na sessão passada e aprovada nesta (87ª), coincidentemente ao mesmo tempo em que 30 medicamentos cujo fornecimento é de responsabilidade do Estado foram entregues ao município, suprindo a falta destes produtos nos últimos dias.

Foram inúmeras as reclamações que recebemos da população acerca da falta de medicamentos na rede municipal de saúde, dentre os quais alguns são de responsabilidade do Estado; na tarde de hoje recebi do secretário de Saúde uma relação constando 30 itens que o governo estadual já mandou ao município e que até então faltavam em nossa rede”, explicou a vereadora.

Ana Genezini voltou a citar que a cidade de Vinhedo esteve representada em reunião regional, na semana passada, para discutir falta de medicamentos fornecidos pelo Estado e formas de pressionar o governo para que tais itens não mais cheguem com atraso. O atraso do repasse dos produtos por parte do governo do estado afetava várias cidades da RMC.


Muitos remédios são caros, de uso contínuo, e os pacientes da nossa rede não podem ficar sem acesso a tais medicamentos; a relação dos 30 medicamentos foi divulgada e acreditamos que os itens já devem ter sido disponibilizados nas unidades básicas de saúde para que os interessados possam buscar seus remédios”, concluiu.

Ana Genezini faz pedidos para áreas de saúde e segurança



Contratação de profissional para confecção de prótese dentária, compra de equipamentos para oftalmologia e intensificação de ronda em bairros da cidade

A vereadora Ana Genezini (PTB) apresentou três moções de apelo durante a 87ª sessão ordinária, realizada nessa segunda-feira, 23, todas aprovadas pela Casa. Os pedidos encaminhados à Prefeitura buscam melhorias imediatas no atendimento da saúde municipal e no serviço de segurança pública.

A Moção de Apelo nº 42/2015, solicita a contratação imediata de cirurgião dentista protético na rede municipal, enquanto a Moção de Apelo nº 43/2015 pede a substituição dos equipamentos do Consultório de Oftalmologia na Policlínica da Capela, como torre oftalmológica, projetor e auto refrator.

Inúmeros pacientes estão na fila de espera pelo serviço de protéticos desde agosto de 2013, já que contamos apenas com um profissional na área, o que não dá conta da demanda; com relação ao consultório oftalmológico da Policlínica, lá pude verificar a necessidade de troca de alguns equipamentos, pois estão obsoletos e exigem manutenção constante, já que os equipamentos dificilmente passam mais de 10 dias sem apresentar novos problemas, portanto, substituí-los gerará economia e garantira um serviço de ainda melhor qualidade aos pacientes”, explicou Ana Genezini.

A terceira moção, de nº 44/2015, solicita intensificação da ronda da guarda municipal nos bairros Vida Nova I, Jardim Santa Eliza, e outros cuja população faz reclamações constantes, uma vez que a presença da guarda inspira segurança.


Ao justificar seu voto, Ana Genezini reforçou que também é preciso fazer um investimento na PM, “já que ela não possui um local adequado, não tem condução nem pessoal suficiente para fazer a ronda necessária na cidade, exigindo demais de seu contingente, portanto, sugiro que também façamos uma Moção de Apelo ao Estado, à Secretaria de Segurança, para que façam o investimento necessário em nosso município e valorizem os serviços prestados pela corporação”.

25.2.15

Presidente Márcio Melle e vereadores Ana Genezini e Paulinho Palmeira reiteram Indicação de ponte em frente a EM Maria de Lourdes Von Zuben

A unidade de ensino está localizada no Jardim Mirian. Outra ponte solicitada também pelos parlamentares é na Vila Santana, na extensão da rua Espírito Santo

As condições de tráfego na rua Theodoro Sebastião Pisoni, em frente a E.M. Maria de Lourdes Von Zuben, tem gerado diversas reclamações da comunidade. O Presidente da Câmara Municipal, Márcio Melle (PSB), juntamente com os vereadores Ana Genezini (PTB) e Paulinho Palmeira (PSB), vem solicitando ao Executivo, através de Indicações, a execução da obra para construção de uma ponte de concreto da Avenida Pinheiro para rua Theodoro Sebastião Pisoni.

Segundo Ana Genezini, a medida proporcionará maior segurança àqueles que precisam caminhar diariamente pelo local, além de organizar o trânsito. “Também pedimos a construção de calçadas em toda extensão da rua Theodoro Sebastião Pisoni, no trecho que compreende a Escola Maria de Lourdes até o cruzamento da rua Felisbina Corazzari Matheus, margeando o córrego Pinheirinho”, disse.

Paulinho Palmeira lembrou que a Prefeitura realizou a canalização do córrego Pinheirinho, com a colocação de gabião em quase 1 km de extensão e a proposta era que a obra no bairro São Thomé tivesse continuidade com a construção da ponte.  O vereador ressaltou ainda, que com a construção da ponte, poderá se prolongar a ciclovia por toda extensão da Avenida Pinheiros.   “Existia uma ponte de madeira para a travessia de pedestres, porém, a mesma foi retirada para a realização das obras no córrego Pinheirinho e, até o momento não foi recolocada. Como alternativa, solicitamos a sua reinstalação”.

Márcio Melle ressaltou que a licitação para a obra da construção da ponte de concreto já está em andamento na Secretaria de Obras. “A Prefeitura dispõe de um projeto para a ponte; pedimos agilidade no andamento da licitação e a execução urgente deste pedido”.


As últimas Indicações sobre o assunto, foram encaminhadas à Prefeitura no ano de 2014 e logo no início desse mês, os vereadores voltam a reiterar as proposituras.  Segundo os parlamentares, a falta desta ponte tem colocado em risco a segurança dos motoristas e pedestres, em sua maioria, alunos da Escola Maria de Lourdes, que, por falta de alternativas, fazem o percurso em trecho perigoso das referidas vias que circundam o local.

CEJUSC apresenta proposta de convênio à Câmara

Convênio visa doação de equipamentos e móveis não mais utilizados pela Câmara ao órgão do judiciário

Nessa sexta-feira, 20, o presidente da Câmara, Márcio Melle (PSB), recebeu em seu gabinete a coordenadora do Centro Judiciário de Soluções de Conflitos (CEJUSC), Gina Caramello, e a vereadora Ana Genezini (PTB), para tratar de uma proposta de convênio entre o órgão do judiciário e a Casa de Leis vinhedense.

A proposta, encaminhada pelo CEJUSC, é que, por meio de convênio entre os órgãos, a Câmara possa doar à instituição, móveis e equipamentos não utilizados pelo Legislativo. Para tanto, a Câmara precisa apenas devolver os patrimônios em sua posse à Prefeitura com fins específicos para aproveitamento do CEJUSC.

Márcio Melle se comprometeu em avaliar a proposta e já a encaminhou ao departamento jurídico da Casa, para maiores estudos. A princípio o CEJUSC necessita de seis computadores, cinco cadeiras para secretários, uma para diretoria e uma impressora.

No que for possível ajudar, e estiver dentro da legalidade nós faremos; esporadicamente devolvemos alguns patrimônios à Prefeitura por não terem mais uso nessa Casa, e agora podemos dar uma melhor destinação à esses móveis a fim de melhorar o atendimento no CEJUSC, órgão de importante atuação em nosso município”, enfatizou Márcio Melle.

O CEJUSC

O Cejusc é um centro de atendimento voltado a todos os cidadãos e focado na conciliação e mediação de conflitos da esfera judiciária. Foi criado pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo a fim de conferir mais eficiência e rapidez à solução de conflitos sem que haja a necessidade de ajuizamento da ação, colaborando, inclusive, à redução do número de processos no poder judiciário. Ainda segundo o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, também é um espaço que objetiva incentivar a conciliação como um dos meios consensuais de solução e contribuir, assim, à disseminação da cultura da paz.

Desde que foi instalado em Vinhedo, em junho de 2013, o CEJUSC realizou 845 acordos, mais do que o total celebrado pelas três varas do Fórum de Vinhedo. O órgão atua como área pré-processual para os Fóruns de Vinhedo e Louveira.


A unidade do Cejusc atende moradores de Vinhedo e Louveira de segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas. Mais informações pelo telefone: 3826-7575.

23.2.15

Ana Genezini apresenta requerimento sobre medicamentos oferecidos pela municipalidade

Documento também foi assinado por Alexandre Viola (PPS)

A vereadora Ana Genezini (PTB) apresentou requerimento destinado à Prefeitura durante a 86ª sessão, solicitando informações acerca dos medicamentos oferecidos pela Prefeitura e/ou pelo Estado aos munícipes vinhedenses. O 1º secretário da Câmara, Dr. Alexandre Viola (PPS), também assinou o documento.

O requerimento faz alguns questionamentos à Prefeitura, já que foram muitas as reclamações sobre falta de medicamentos na rede; portanto, precisamos saber o que cabe ao município oferecer e o que não está sendo oferecido, e o que cabe ao Estado oferecer e não está sendo oferecido, pois só com essas informações saberemos a quem cobrar para que essas medicações não faltem em nossa cidade”, explicou a parlamentar.

Ana Genezini ainda citou uma matéria divulgada pela própria Prefeitura na qual cita que a cidade esteve representada em reunião regional para discutir falta de medicamentos fornecidos pelo Estado. O atraso do repasse dos produtos por parte do governo do estado tem afetado várias cidades da RMC.


O requerimento nº 02/2015 será votado na 87ª sessão ordinária, prevista para a próxima segunda-feira, 23.

Através de pedido formulado por Ana Genezini, prefeito requer execução da rede de telefonia fixa no Jardim Santa Eliza



A vereadora Ana Genezini (PTB), que vem fazendo diversas indicações para o bairro Jardim Santa Eliza, foi atendida pela Prefeitura de Vinhedo, mais uma vez. Agora a luta é por implantação de rede de telefonia fixa.

A  aprovação do loteamento se deu em abril de 2014. Em 21 de agosto de 2014, através da Lei Municipal nº 3575, as ruas receberam suas denominações, e lutamos para que os logradouros recebessem as placas de identificação das mesmas.

 Atualmente o bairro já se encontra com a maioria dos terrenos comportando residências habitadas, porém, os moradores enfrentam problemas para a instalação de linhas telefônicas em suas residências.

De acordo com Ana Genezini, o Jardim Santa Eliza não possui a rede de telefonia fixa instalada, e, visando possibilitar a esses moradores a referida prestação de serviços, a vereadora buscou uma solução junto ao Poder Executivo.

 Ana Genezini entregou ao prefeito Jaime Cruz um ofício a ser encaminhado  à empresa Vivo, a quem compete a execução dos serviços para a implantação da rede de telefonia fixa, visando atender  todas as ruas do Jardim Santa Eliza. No ofício, foram anexados mapa do loteamento, com objetivo de facilitar os estudos necessários.


Estamos trabalhando para que o mais breve possível, a rede de telefonia fixa chegue ao bairro. Precisamos de investimentos da operadora Vivo naquela localidade, pois muitos munícipes estão sendo prejudicados”, disse Ana Genezini.

19.2.15

Por meio de ofício, Ana Genezini pede melhorias na Estrada Fazenda Santana

Vereadora também apresentou indicação para a Praça Aurora Sudário, na Capela

A vereadora Ana Genezini (PTB) encaminhou ofício ao prefeito Jaime Cruz solicitando a realização de trabalhos para alargamento de trecho da Estrada Fazenda Santana, jpa na divisa com Valinhos.

A parlamentar alerta no documento que o alargamento se faz necessário para evitar acidentes com motoristas e pedestres, já que a passagem não comporta mais de um veículo ao mesmo tempo.

Para a execução do serviço, Ana Genezini pede, além do alargamento, a remoção de dois postes de energia elétrica, pavimentação do referido trecho e construção de calçadas nas laterais da via.


Já faz quase um ano que busco essas melhorias junto ao Poder Executivo e a população continua ansiosa por sua execução; o ofício reforça a necessidade do serviço e destaca seu caráter de urgência”, explicou a vereadora.

12.2.15

Ana Genezini critica situação do trânsito no Centro de Vinhedo

Para a vereadora, as mudanças no trânsito promovidas pela Prefeitura prejudicaram o fluxo de veículos na região central

Durante 85ª sessão ordinária, realizada nessa segunda-feira, 09, a vereadora Ana Genezini (PTB) criticou a situação do trânsito na região central de Vinhedo, em especial nas ruas paralelas a Nove de Julho.

Infelizmente as ruas do Centro estão intransitáveis, especialmente a Humberto Pescarini, João Corazzari e Santos Dumont; na última sexta-feira estive na Humberto Pescarini junto ao prefeito e não houve uma pessoa sequer que não nos tenha abordado para reclamar da situação do trânsito”, afirmou a parlamentar.

Ana Genezini propõe que a municipalidade reavalie as mudanças no trânsito, já que as críticas à nova estruturação das ruas do Centro são fortes, e os engarrafamentos frequentes.


Na Rua Nove de Julho vários acidentes já ocorreram, principalmente no cruzamento com a Rua Manoel Matheus, onde o perigo é ainda mais acentuado; as mudanças são necessárias e bem vindas, mas, temos que reconhecer e reavaliar quando essas alterações  trazem transtornos à população, como nesse caso”, concluiu a vereadora.

11.2.15

Prefeito apresenta pedido de Ana Genezini para construção de viaduto ao governador Geraldo Alckmin

Viaduto passaria sobre a Anhanguera interligando os bairros do Jardim Eldorado e Bela Vista

Na semana passada, o prefeito Jaime Cruz entregou pessoalmente ao governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, ofício solicitando a construção de um viaduto sobre a Rodovia Anhanguera, interligando os bairros Jardim Eldorado e Bela Vista, na região da Capela. O pedido atende à indicação nº 739/2013 da vereadora Ana Genezini (PTB), propositura que chegou a ser reiterada em outras oportunidades até o acato do pedido por parte da Prefeitura.

A indicação da parlamentar propõe que a alça de acesso sobre a Anhanguera ligue a Rua João Edueta, na parte baixa da região da Capela, até a estrada de servidão que dá acesso à Rua José Caim, no Jardim Eldorado, possibilitando a saída de veículos diretamente na Estrada da Capela.

Essa melhoria é uma das mais esperadas por toda população da Capela, já que diminuirá o fluxo de veículos nas ruas centrais da região e também em trecho da principal estrada de acesso aos bairros”, explicou Ana Genezini.

No pedido, a vereadora cita como exemplo o viaduto que foi construído pela Autoban em parceria com o governo do estado no bairro Santo Antonio, na vizinha cidade de Louveira.


O bairro da Capela cresceu e vem se desenvolvendo rapidamente, um de seus maiores problemas é a falta de opção para a melhoria da malha viária, visto que, além do transito local, ainda recebemos um grande transito de veículos que se utilizam das vias do bairro como rota de fuga do pedágio. Esta ideia surgiu no ano de 2013 e a apresentei ao então prefeito Milton Serafim que aprovou de imediato a ideia como sendo a única alternativa para solução do problema de trânsito existente no bairro. Agora com esta iniciativa do prefeito Jaime Cruz, temos que envidar esforços junto ao governo do estado para que a obra seja executada”, concluiu Ana Genezini.