20.7.15

Vereadora Ana Genezini reitera pedidos para pavimentação de calçadas na Avenida dos Pinheiros

A Prefeitura já realiza o serviço em trecho da via, também indicada pela vereadora

Nessa semana a vereadora Ana Genezini (PTB) reforçou o pedido para pavimentação de calçadas em trecho da Avenida Pinheiro. Nos últimos dias a Prefeitura iniciou a pavimentação de 200 metros de calçadas na Avenida em trecho entre a Rua Espírito Santo e o pontilhão do córrego Pinheirinho, melhoria solicitada por uma das indicações da vereadora.
Além do serviço que já está sendo realizado, a vereadora pede a pavimentação nos trechos da Avenida dos Pinheiros e Otávio Tasca entre as Ruas Felisbina Corazzari Matheus e Theodoro Sebastião Pisoni, reiterado pela indicação nº 1346/2013, e entre a Rua Felisbina Corazzari Matheus e o bairro da Nova Canudos, reiterado pela indicação nº 1344/2013. Apesar das reiterações, ambas as proposituras foram apresentadas pela primeira vez ainda em 2011, durante a 15ª legislatura.

Finalmente a Prefeitura iniciou um dos trabalhos de pavimentação de calçadas na Avenida Pinheiros, além das guias na altura da Vila Santana também é necessário que o serviço seja realizado em outros trechos, a população usa muito o local, até para a prática de atividades físicas, e as calçadas são uma melhoria essencial para garantir a segurança dos pedestres”, explicou Ana Genezini.

17.7.15

Vereadora Ana Genezini comenta projetos aprovados pelo Senado Federal nessa quarta-feira

Proposituras tratam da reforma política

Nessa quarta-feira, 15, o Senado Federal aprovou dois projetos de lei apresentados pela Comissão da Reforma Política. O PL nº 477/2015 autoriza a formação de federações entre os partidos, para atuação como uma única agremiação, enquanto o PL 430/2015 modifica as regras de distribuição de cadeiras entre partidos nas eleições para vereadores, deputados estaduais, federais e distritais. A vereadora Ana Genezini (PTB) comentou sobre as propostas, as quais também defende.
O PL 477 prevê que os partidos poderão registrar na Justiça Eleitoral uma federação, que consiste na união de dois ou mais partidos para determinada eleição, e que deverá ser mantida por pelo menos quatro anos, com o objetivo de que os partidos mantenham o compromisso com o exercício do poder político. Com as coligações, ação já comum entre os partidos, ocorre diferente, nelas a união dos partidos se encerra com o fim das eleições, não havendo obrigatoriedade de compromisso entre eles.
A federação consiste em uma fusão temporária entre partidos, porém com bases mais sólidas do que as coligações, que também continuarão existindo”, explicou.
Já a distribuição de vagas nas eleições proporcionais foi o tema do PL 430/2015. De acordo com o projeto, a distribuição de vagas deverá respeitar o quociente eleitoral na votação obtida pelo partido, independente dos votos computados por toda coligação. Desse modo, as legendas que não alcançarem o quociente mínimo não terão direito às vagas, mesmo que sua coligação tenha quociente suficiente para eleger coligados de partidos com votação inexpressiva.
Essa segundo projeto acaba com as injustiças nas eleições proporcionais; a cada votação boa parte dos candidatos eleitos tiveram pouquíssimos votos, mas foram eleitos por conta de um sistema de coligação que privilegia partidos sem força e enfraquece a vontade do povo”, afirmou Ana Genezini.

Ambos projetos ainda precisam ser votados e aprovados pela Câmara dos Deputados, para depois serem encaminhas à Presidência da República para sanção.

6.7.15

Prefeitura inicia pavimentação de calçadas na Rua Camélia, pedido de Ana Genezini


Vereadora solicitou melhoria em reuniões com a secretaria de Obras
Na semana passada a Prefeitura de Vinhedo iniciou os trabalhos para pavimentação de calçadas em toda extensão da Rua Camélia, trabalho que atende pedido da vereadora Ana Genezini (PTB) feito ao diretor da Secretaria de Obras, Denilson Patrício, em mais de uma oportunidade.
Na quinta-feira, dia 02, foi iniciada a instalação das guias cuja previsão para termino desse serviço é ate dia 08 de julho, na semana seguinte já se dará inicio a pavimentação das calçadas. O trabalho também será realizado na Rua Urbana Junqueira Meirelles, via de acesso ao bairro do Jardim Florido e que também cruza outras localidades, porém no trecho da Rua Urbana Junqueira Meirelles ainda depende de ata de registro de preço parta contrataçáo de serviços, ficaremos no acompanhamento dos trtabalhos, frizou Ana Genezini.

Essa solicitação é antiga, e é cobrada pelos moradores do bairro desde a pavimentação asfáltica da via; no caso da Rua Urbana Junqueira de Meirelles o problema é ainda mais grave, visto o grande fluxo de veículos na via, o que aumenta os riscos dos pedestres, já que a falta de calçadas faz com que tenham que caminhar junto aos carros”, explicou Ana Genezini. 

Câmara aprova projeto de Ana Genezini que declara de utilidade pública a Associação Reencontro

Entidade desenvolve relevante trabalho na cidade na recuperação de dependentes de álcool e outras drogas 

A Câmara aprovou por unanimidade, na 105ª sessão ordinária, o Projeto de Lei nº 23/2015, de autoria da vereadora Ana Genezini (PTB), declarando de utilidade pública a entidade Reencontro Centro de Tratamento para Dependentes de Álcool e Drogas – Associação Reencontro.
A entidade tem sete anos de experiência no atendimento à pacientes adultos do sexo masculino e tem realizado relevantes projetos no municípios, oferecendo apoio aos dependentes químicos, contribuindo para a reintegração desses cidadãos à sociedade”, explicou Ana Genezini.
A Associação Reencontro tem como objetivo promover a recuperação de alcoolistas e/ou dependentes de substâncias psicoativas e sua reintegração de forma plena e saudável na família e na sociedade, por meio da oferta de uma nova maneira de viver, sustentada pela sobriedade a aquisição de novos padrões de conduta.
A entidade dispõe de uma equipe interdisciplinar contando com médico psiquiatra, clínico geral, psicólogos, técnicos em dependência química, técnico de enfermagem, monitores, professor de educação física, entre outros.
O tratamento realizado consiste em quatro meses de internação e dois meses de resocialização, com acompanhamento psicológico individual e em grupo; acompanhamento médico e de enfermagem; familiar; grupo de orientação; aulas de educação física; avaliações constantes quanto à evolução terapêutica; orientações sobre prevenção de recaídas; grupo de resocialização e plano individual de acompanhamento.
Entendo que esse projeto abrirá portas, apontará novos caminhos que possam possibilitar a realização desses projetos que a entidade já vem realizando, ampliando o trabalho de recuperação dos dependentes químicos e demais indivíduos que precisam de um apoio para se ressocializar”, afirmou Ana Genezini.

Com a declaração de utilidade pública, a entidade poderá firmar parcerias e convênios com o poder público ou com a iniciativa público/privada, intensificando o trabalho da associação, além da isenção de impostos como IPTU e ISS, e outros encargos tributários de responsabilidade do município.