11.10.17

Câmara aprova projeto de Ana Genezini para implantação de lâmpadas de LED na cidade

Projeto torna obrigatório o uso de lâmpadas em LED nos novos loteamentos do município e na rede de iluminação pública já existente
Nessa segunda-feira, 09, a Câmara aprovou por unanimidade o projeto de Lei nº 60/2017, de autoria da vereadora Ana Genezini (PMDB), que torna obrigatório o uso de lâmpadas de LED (diodo emissor de luz) na rede de iluminação pública de todo o município, incluindo quando da implantação de novos loteamentos.
A implantação de iluminação LED já vem sendo solicitada pela vereadora desde seus mandatos anteriores, e é considerada uma medida de segurança, uma vez que ilumina mais do que as lâmpadas convencionais, coibindo práticas ilícitas, além de oferecer economia aos cofres públicos, já que requer menos manutenção.
O projeto especifica como rede de iluminação pública os equipamentos e aparelhos utilizados para realizar a iluminação de vias, logradouros e demais bens públicos, incluindo praças, parques, jardins, monumentos e assemelhados.

Nos dias atuais é cada vez mais comum o uso da tecnologia de diodos emissores de luz em diversos equipamentos eletrônicos, como televisores, semáforos, telefones celulares e para a iluminação de ambientes públicos, internos e externos. A substituição das lâmpadas convencionais pela iluminação LED é uma forte tendência, em virtude das vantagens relacionadas à durabilidade e ao consumo de energia, isto porque a energia consumida pelo LED é revertida em iluminação e não em calor, evitando-se assim o desperdício de energia”, explicou Ana Genezini.

4.10.17

Ana Genezini reitera pedido para pavimentação da Avenida Geraldo Soares, no Vida Nova I

Parlamentar também reapresentou indicação para instalação de radar no local
A vice-presidente da Câmara, vereadora Ana Genezini (PMDB), reiterou duas indicações nessa semana para melhoria nas condições de trânsito na Avenida Geraldo Soares, uma das principais vias do bairro Vida Nova I, na região da Capela.
A indicação nº 230/2017, já apresentada em outras legislaturas, solicita à municipalidade o asfaltamento da avenida no trecho compreendido entre a Rua Antonio Bucci e a divisa com o município de Valinhos; enquanto a indicação nº 308/2017 propõe a instalação de radar na via após a conclusão da pavimentação asfáltica.

Desde 2012 venho apresentando ao Prefeito a necessidade de melhorias na Avenida Geraldo Soares, em virtude de muitos pedidos de moradores que residem próximo ao local e sofrem diariamente com a poeira. O trecho é utilizado para desvio do pedágio e há um grande número de veículos que circulam pelo local diuturnamente causando transtornos aos moradores. O tráfego intenso também torna necessária a instalação de radar para manutenção da segurança, e agora já está acontecendo acidentes no local, podendo vir a acontecer uma fatalidade, não podemos esperar mais”, explicou Ana Genezini.

27.9.17

Projeto de Ana Genezini para implantação de lâmpadas de LED na cidade entra em tramitação

Projeto quer tornar obrigatório o uso de lâmpadas em LED nos novos loteamentos do município e na rede de iluminação pública já existente
Nessa semana entrou em tramitação na Câmara o projeto de Lei nº 60/2017, de autoria da vereadora Ana Genezini (PMDB), que pretende tornar obrigatório o uso de lâmpadas de LED (diodo emissor de luz) na rede de iluminação pública de todo o município.
A implantação de iluminação LED já vem sendo solicitada pela vereadora desde seus mandatos anteriores, e é considerada uma medida de segurança, uma vez que ilumina mais do que as lâmpadas convencionais, coibindo práticas ilícitas, além de oferecer economia aos cofres públicos, já que requer menos manutenção.
O projeto esclarece que compreende a rede de iluminação pública os equipamentos e aparelhos utilizados para realizar a iluminação de vias, logradouros e demais bens públicos, incluindo praças, parques, jardins, monumentos e assemelhados.

Nos dias atuais é cada vez mais comum o uso da tecnologia de diodos emissores de luz em diversos equipamentos eletrônicos, como televisores, semáforos, telefones celulares e para a iluminação de ambientes públicos, internos e externos. A substituição das lâmpadas convencionais pela iluminação LED é uma forte tendência, em virtude das vantagens relacionadas à durabilidade e consumo de energia, isto porque a energia consumida pelo LED é revertida em iluminação e não em calor, evitando-se assim o desperdício de energia”, explicou Ana Genezini.

Ana Genezini desabafa sobre situação dos serviços de saúde no município e em todo país

Vereadora teme incapacidade do município em arcar com suas obrigações por omissão também dos governos estadual e federal
Na semana passada a vereadora Ana Genezini (PMDB), vice-presidente da Câmara de Vinhedo, já havia dedicado parte de seu tempo na tribuna da Casa de Leis para questionar as alterações anunciadas pela Prefeitura na prestação dos serviços de saúde, como a redução no horário de atendimento da Policlínica e da UPA. Na noite dessa segunda-feira, 25, pela 30ª Sessão Ordinária, a parlamentar voltou a comentar sobre a situação da saúde não só em Vinhedo, mas também em todo o país. 
Venho externar o que sinto de coração. Todos os dias recebo pedidos de apelo na área da saúde, e as respostas da municipalidade são sempre as mesmas, de que não há recursos para bancar a baixa e média complexidade, quando se trata de verba municipal, e quando se trata de SUS, os valores também são insuficientes, são vergonhosos, assim como nos casos de alta complexidade, que são de responsabilidade do estado. Com isso, o tratamento que tem que ser iniciado com a máxima urgência fica sem previsão de prazo, gerando imensas filas de esperas sem qualquer retorno. Não há qualquer preocupação do governo do estado e do governo federal com nossa situação. O problema da saúde não é só vinhedense, mas de todo país. O governo federal envia mensalmente para custear a UPA a miséria de R$ 170 mil, e tem transferido a responsabilidade de vários serviços aos municípios, sem oferecer infraestrutura adequada para tanto”.
Ana Genezini indagou se caso o resultado das eleições tivesse sido outro, se a situação seria muito diferente. “Outro resultado nas eleições não mudaria muito nossa situação, pois vivemos em todo o Brasil um sistema viciado, falido, de governo a governo, não à toa milhões de reais têm sido recuperados pela Lava Jato, dinheiro esse que infelizmente podem vir a ser desviados novamente no futuro”. “Ana Genezini ainda citou problemas na área de saúde envolvendo pacientes que necessitam de tratamento contra o câncer e outras doenças que não podem esperar por fila de espera”.

 Por fim, a vereadora clama pelo repasse de valores aprendidos pela Polícia Federal à saúde nacional, e espera do município a revisão das medidas anunciadas para o setor. “O ideal seria todo o dinheiro recuperado na Lava Jato e outra operações ser destinado à saúde. Conclamo ao presidente da República a determinarem o dinheiro das propinas já apreendido pela Polícia Federal a programas de saúde. Precisamos acabar com o câncer da política, que corrói e mata o povo brasileiro. Já para Vinhedo, espero que até o dia 06 de outubro essas medidas anunciadas para a saúde sejam revistas”.

20.9.17

Ana Genezini declara contrariedade à proposta de implantação e regime estatutário para os servidores municipais

Vereadora teme incapacidade do município em arcar com suas obrigações

A Prefeitura de Vinhedo tem estudado a possibilidade de alterar o regime trabalhista dos servidores municipais de celetista, ou seja, aquele regido pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), para estatutário, que vigeria de acordo com as normas de um estatuto próprio aprovado pelo município, porém a proposta não agrada a vereadora Ana Genezini (PMDB).
Durante a 29ª Sessão Ordinária, realizada nessa segunda-feira, 18, a vice-presidente da Câmara enfatizou sua contrariedade a proposta do Executivo. “Se chegar um projeto para alteração de regime à essa Casa já adianto que votarei contra. Tive a oportunidade de ver uma minuta desse projeto, que sequer explica o que vai significar essa mudança de regime no funcionalismo público de Vinhedo. Essa proposta só passará se tivermos todas as informações e ficar claramente definida qual será a estrutura que o funcionalismo público terá para suportar essa transição de celetista para estatutário”.
A vereadora citou o caso vivido por alguns servidores da Câmara Municipal, que entraram para o quadro de servidores ainda sob o regime estatutário, no passado, e que hoje já atingiram a data prevista para aposentadoria pelo estatuto, porém não podem se aposentar por problemas no próprio regime, sendo obrigados a trabalhar por mais alguns anos para enfim se aposentarem pelo INSS.

A criação de um regime estatutário na Prefeitura é um caso muito sério, e portanto precisa de muito estudo e muita informação, pois sem isso é impossível votar ou até mesmo analisar qualquer projeto para alteração de regime”, concluiu.

19.9.17

Ana Genezini critica redução no horário de atendimento do pronto atendimento da Capela e da UPA

Medida foi anunciada pela Prefeitura nos últimos dias como forma de economia ao erário público
O recente anúncio por parte da Prefeitura de redução do horário de atendimento da UPA e do pronto socorro da Policlínica da Capela, de 24 para 12 horas, foi criticado pela vereadora Ana Genezini (PMDB) durante a 29ª Sessão Ordinária, realizada nessa segunda-feira, 18.
A municipalidade adotou a medida como mais uma forma de diminuir os gastos públicos, porém a decisão não agradou a população e nem ao Legislativo vinhedense.
Eu efetivamente não concordo com essa medida da Prefeitura de diminuir o horário de atendimento do Pronto Atendimento da Policlínica Capela e da UPA. A Policlínica já tem mais de 10 anos de funcionamento, e é o principal posto de saúde de toda a região da Capela. A distância da Capela à Santa Casa, que passará a ser a única unidade de saúde 24 horas de nossa cidade, gera a necessidade de oferecer transporte à população que precisará se deslocar. Não quero crer ou mesmo ouvir alguém dizendo que a simples disponibilização de uma ambulância na Policlínica para promover o transporte de pacientes é o suficiente, pois não é. No tempo que a ambulância sai de seu plantão para transportar um paciente, outro que necessita da urgência pode vir a falecer devido à falta do veículo de plantão. Definitivamente não concordo com a decisão do município”.

Ana Genezini lembrou que no caso do pronto atendimento 24 hrs na Capela não há lei que obrigue o funcionamento 24 horas, como ocorre na UPA, com cujo encerramento de atividades as 19horas também não concordamos, e reforçou que o atendimento integral na Capela e na UPA é essencial para garantia da saúde naquela região e na cidade.

1.9.17

Ana Genezini reitera duas indicações para instalação de iluminação pública

Propostas serão reapresentadas na próxima sessão
A vice-presidente da Câmara, vereadora Ana Genezini (PMDB) reapresentará duas indicações propondo instalação de iluminação pública na 27ª Sessão Ordinária, prevista para a próxima segunda-feira, dia 04 de setembro.
A indicação nº 306/2017, pede instalação de iluminação acionada por sensor de presença em todos os pontos de ônibus do município. O sistema oferece maior economia, uma vez que a iluminação apenas é acionada quando o ponto está sendo ocupado, além de garantir maior segurança aos usuários do transporte público.
Com o sensor teremos além da iluminação dos postes uma iluminação própria dos pontos de ônibus, oferecendo maior segurança aos munícipes. Essa tecnologia permite que a lâmpada fique acesa apenas nos momentos em que os pontos estiverem ocupados, economizando energia e aumentando a vida útil do equipamento”, explicou Ana Genezini (PMDB).

Já a indicação nº 593/2017 propõe a terceirização do serviço de manutenção da iluminação pública.

10.8.17

Ana Genezini fala sobre convenção partidária do PMDB

Vereadora justifica ausencia e deseja sucesso aos companheiros
Durante seu pronunciamento na 23ª Sessão Ordinária, realizada nessa segunda-feira, 07, a vice-presidente da Câmara, vereadora Ana Genezini (PMDB), justificou previamente a sua ausência à convenção municipal de seu partido, a ser realizada nesse sábado, dia 12, no horário das 13h30 as 18h00 no prédio da Câmara Municipal.
"Cumprimento o partido pela realização da convenção, desejando sucesso e pleno exito na realização do evento. Justifico a minha ausência, já que tenho uma viagem pessoal agendada, e não posso cancelar esse compromisso prévio”, explicou.

A parlamentar ainda encaminhará ofício ao presidente do partido, para que seja lido no dia da convenção, visando justificativa e respeito aos colegas de partido.

2.8.17

Ana Genezini apresenta ofício à Prefeitura pedindo instalação de poste de luz na Rua Cruzeiro do Sul

Moradores do Mirante das Estrelas questionam falta de segurança no local
Na semana passada a vice-presidente da Câmara, vereadora Ana Genezini (PMDB), protocolou ofício junto à Prefeitura e à Secretaria de Obras solicitando a instalação de postes de energia e lâmpadas na Rua Cruzeiro do Sul, no bairro Mirante das Estrelas.
A rua é uma continuação da Rua Guilherme Manprim, mas não possui qualquer braço de iluminação em toda sua extensão, o que tem preocupado os moradores da localidade, que se sentem inseguros de transitar pela rua.
A rua é cercada por área de mata densa, e a ausência de iluminação torna o local vulnerável, suscetível à ação de pessoas mal intencionadas”, explicou Ana Genezini.

No ofício a parlamentar solicita à instalação de ao menos dois postes de energia, pedido que deverá ser feito pela Prefeitura diretamente à CPFL, e de lâmpadas em cada um dos postes.

19.7.17

Vereadora Ana Genezini solicita melhorias na calçada de importante trecho da Av. Castelo Branco

Parlamentar recebeu pedido de várias pessoas que usam transporte coletivo
 para chegar ao CIS e Bem Viver
A vereadora Ana Genezini (PMDB) encaminhou ofício ao Executivo Municipal solicitando várias melhorias em trecho da Avenida Castelo Branco. No documento, a parlamentar, que é vice-presidente da Câmara, destaca os principais problemas enfrentados pela população na proximidade do ponto de ônibus que serve usuários do CIS, Bem Viver, Hidroginástica, Casa Abrigo e Casa Dia.
Segundo munícipes, o entorno do ponto de ônibus localizado na Av. Castelo Branco, na altura do CIS, precisa de limpeza, colocação de lixeira e reparo na calçada.
Atrás desse ponto de ônibus, situa-se o imóvel da antiga empresa Brazniv Fiação e Tecelagem e, infelizmente por falta de lixeiras no local, os frequentadores e/ou pedestres que por ali transitam e permanecem no aguardo dos ônibus, deixam lixo no terreno, causando inclusive, forte odor e problema de saúde pública”, explica a vereadora Ana Genezini.
Além da limpeza no terreno, Ana Genezini propõe o fechamento do alambrado com tapume e colocação de lixeira para evitar que novamente ocorra o acúmulo de lixo.
No documento encaminhado para análise do prefeito, a vereadora Ana Genezini explica que na calçada do referido trecho houve o corte de algumas árvores, entretanto, ainda há vários tocos e buracos na calçada. Por isso, a parlamentar também solicita que a Prefeitura, por meio da Secretaria competente, faça a remoção dos tocos de árvore que ficam na calçada e atrapalham a passagem dos pedestres. “Trata-se de uma via muito movimentada e precisamos garantir a passagem dos pedestres pela calçada”, comenta a vereadora.
Vice-presidente da Câmara de Vinhedo, Ana Genezini explica que as reivindicações buscam dar mais segurança aos moradores e frequentadores dos serviços públicos existentes naquela região e, por isso, pede urgência nas providências.
Tenho certeza que, diante dos fatos, o prefeito Jaime Cruz determinará análise e providências para o atendimento do presente”, finaliza Ana Genezini.


30.6.17

Administração Municipal atende solicitação do presidente Nil Ramos e da vereadora Ana Genezini

Bandeira Nacional será hasteada diariamente em frente ao Paço Municipal

Nessa segunda-feira, 26, o presidente da Câmara, vereador Nil Ramos (PSDB), e a vice-presidente da Câmara, vereadora Ana Genezini (PMDB), estiveram reunidos com o professor Alaor Saccomano para conferir o hasteamento da Bandeira Nacional em frente ao Paço Municipal. O pedido para retomada do hasteamento diário havia sido feito pelos parlamentares ao Executivo Municipal em atendimento a documento entregue pelo professor aos vereadores.

Com mais de 300 assinaturas, o documento recebido pelo presidente Nil Ramos no dia 19 deste mês solicitava o hasteamento da Bandeira Nacional e do Mercosul em prédios públicos, em cumprimento à Lei Federal nº 5.700 de 1971.
A Lei Federal nº 5.700/1971, em seu art. 13, inciso VI, exige que as bandeiras Nacional e do Mercosul sejam hasteadas diariamente nas Prefeituras e Câmaras Municipais, enquanto o art. 14 dispõe que em dias de festa ou de luto nacional a Bandeira Nacional seja hasteada em todos as repartições públicas, estabelecimentos de ensino e sindicatos.
“Encaminhamos o documento ao prefeito Jaime Cruz, que prontamente determinou aos departamentos pertinentes o cumprimento do disposto na legislação vigente”, explica o presidente Nil Ramos.
A vice-presidente da Câmara, vereadora Ana Genezini, considera o diálogo essencial. “É justa a solicitação do professor e munícipes que assinaram o documento e, como vereadores, fizemos nosso papel levando ao conhecimento do Executivo o pedido da comunidade e a necessidade de cumprimento da Lei”.


29.6.17

Prefeitura pinta área específica para motos na maioria dos semáforos da cidade


Espaço exclusivo para espera de motos em semáforos foi pintado pela primeira vez na confluência da Avenida Castelo Branco com Avenida Benedito Storani

Ao longo do mês de junho a Prefeitura pintou a “caixa” de espera para motociclistas em quase todos os semáforos da cidade. A melhoria atende à indicação da vereadora Ana Genezini (PMDB), vice-presidente da Câmara, e foi pintada pela primeira vez no início do mês, no semáforo do cruzamento da Avenida Presidente Castelo Branco com a Avenida Benedito Storani, em frente ao Colégio de Vinhedo. A “caixa” corresponde a uma área delimitada, antes das faixas de pedestres, para que as motos possam esperar a abertura do semáforo com segurança, e foi proposta originalmente pela parlamentar em julho de 2016, sendo reiterada em maio desse ano.
A caixa de espera para motos é uma medida de segurança, pois evita que os motociclistas fiquem parados em meio aos carros, ou espremidos próximo do semáforo. A caixa organiza o trânsito, e com isso reduz as possibilidades de acidentes. A Prefeitura reconheceu a importância da medida e já deu início ao trabalho de pintura das caixas em toda cidade”, explicou.
A melhoria foi bem recebida pela população e tem sido respeitada pelos motoristas.

23.6.17

Nil Ramos e Ana Genezini apresentarão ao Prefeito pedido para hasteamento de bandeiras em prédios públicos

Parlamentares receberam documento com mais de 300 assinaturas pedindo o cumprimento de Lei Federal

Nessa segunda-feira, 19, pouco antes do início da 20ª Sessão Ordinária, o presidente da Câmara, vereador Nil Ramos (PSDB), e a vice-presidente da Câmara, vereadora Ana Genezini (PMDB), se reuniram com o professor Alaor Sarcomano para receber um documento que pede o hasteamento da Bandeira Nacional e do Mercosul em prédios públicos, em cumprimento à Lei Federal nº 5.700 de 1971.
O documento entregue pelo professor aos vereadores contém mais de 300 assinaturas, e será encaminhado ao prefeito Jaime Cruz para que adote o disposto na legislação.
A Lei Federal nº 5.700/1971, em seu art. 13, inciso VI, exige que as bandeiras Nacional e do Mercosul sejam hasteadas diariamente nas prefeituras e câmaras municipais, enquanto o art. 14 dispõe que em dias de festa ou de luto nacional a Bandeira Nacional seja hasteada em todos as repartições públicas, estabelecimentos de ensino e sindicatos.
O documento pede o justo cumprimento de uma Lei Federal que zela pelo civismo, portanto, encaminharemos esse documento, assinado por mais de 300 cidadãos vinhedenses, ao prefeito Jaime Cruz para que de imediato tome as providências para cumprimento da legislação, hasteando a Bandeira Nacional em nossas repartições públicas”, explicaram os vereadores.
Também participaram da reunião os vereadores Carlos Florentino (PV), Flávia Bitar (PDT), Marcos Ferraz (PSD), Paulinho Palmeira (PV) e Rui Nunes “Macaxeira” (PDT).

Nova área da Central de Reciclagem é mais uma conquista do diálogo de Ana Genezini com munícipes

A Central de Reciclagem, que funcionava na Vila Cascais, teve suas atividades transferidas para novo local, mais amplo e confortável na Rua João Edueta, no Bairro da Capela.  O novo espaço é fruto de um esforço conjunto entre moradores próximos ao local e a vereadora Ana Genezini (PMDB), que intermediou reuniões com a Secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo e com o prefeito Jaime Cruz.
O incômodo dos moradores da Vila Cascais era antigo; os cooperados também solicitavam um local mais amplo e finalmente esse problema foi solucionado com a entrega da nova Central, na região da Capela”, explicou Ana Genezini.
As novas instalações dispõem de uma área total de 15 mil m², com um galpão de reciclagem de 1.200 metros totalmente coberto, que abriga o sistema de recepção, triagem e distribuição dos recicláveis, bem como o armazenamento de todos os equipamentos necessários para otimizar o trabalho dos cooperados, além de refeitório, banheiro e área de convivência. A estrutura da Central de Triagem da Vila Cascais tinha 5 mil m².

Em parceria com a Prefeitura, a Cooperativa de Reciclagem 4RV (Reciclar, Repensar, Reutilizar, Reduzir, Vinhedo) faz a seleção do material em Vinhedo. Atualmente, 36 cooperados fazem a separação e venda do material coletado em todo o município pela Prefeitura e, com este novo espaço, passam a ter possibilidade de ampliar a produção e os rendimentos.

7.6.17

Ana Genezini propõe instalação de semáforo no cruzamento da Rua Antônio Barbosa com Avenida Benedito Storani

A vice-presidente da Câmara, vereadora Ana Genezini (PMDB), apresentará a indicação nº 903/2017 na 19ª Sessão, prevista para a próxima segunda-feira, 12, que pede à Prefeitura estudos quanto a viabilidade de instalação de semáforo na confluência da Rua Antônio Barbosa com Avenida Benedito Storani.
A parlamentar explica que a melhoria é muito solicitada pela população, já que o tráfego de veículos no cruzamento é intenso. “O trânsito no local é bastante intenso, principalmente nos horários de pico, e com isso diariamente são registradas colisões, engarrafamentos e outros problemas. O cruzamento paralelo já conta com semáforo, está na hora do cruzamento com a Rua Antônio Barbosa receber o seu também”.


1.6.17

Prefeitura pinta primeira área específica para motos próximo a faixas de pedestres

Espaço exclusivo para espera de motos em semáforos foi pintado na confluência da Avenida Castelo Branco com Avenida Benedito Storani

Nessa semana a Prefeitura de Vinhedo atendeu a mais uma indicação da vereadora Ana Genezini (PMDB), e pintou a “caixa” de espera para motociclistas em cruzamento semafórico localizado na Avenida Presidente Castelo Branco com a Avenida Benedito Storani, em frente ao Colégio de Vinhedo. A “caixa” corresponde a uma área delimitada, antes das faixas de pedestres, para que as motos possam esperar a abertura do semáforo com segurança, e foi proposta originalmente pela parlamentar em julho de 2016, sendo reiterada na semana passada.

A caixa de espera para motos é uma medida de segurança, pois evita que os motociclistas fiquem parados em meio aos carros, ou espremidos próximo do semáforo. A caixa organiza o trânsito, e com isso reduz as possibilidades de acidentes. A Prefeitura reconheceu a importância da medida e já deu início ao trabalho de pintura das caixas em toda cidade”, explicou.


A Avenida Presidente Castelo Branco foi a primeira a receber a melhoria, pois já estava sendo feito reforço na pintura da faixa de pedestre do local. Outras vias do município também receberão a “caixa”, conforme cronograma de pintura da sinalização de solo.




31.5.17

Prefeitura abre licitação para recapeamento de ruas do Jardim Eldorado, melhoria há anos indicada por Ana Genezini

Desde 2008 a vereadora solicita o recapeamento das ruas do bairro
Na semana passada a Prefeitura de Vinhedo abriu processo licitatório, na modalidade tomada de preços, para contratação de empresa para execução de recapeamento asfáltico em todas as ruas do bairro do Jardim Eldorado, na região da Capela. A melhoria atende a inúmeras indicações da vice-presidente da Câmara, vereadora Ana Genezini (PMDB), que desde 2008 solicita o serviço.
Finalmente, depois de anos solicitando à Prefeitura o recapeamento das ruas do Jardim Eldorado a população poderá realmente ver esse serviço sendo realizado. Isso é uma conquista da persistência. Como representantes da população não podemos deixar de cobrar do Executivo a realização de melhorias, por mais que já tenhamos pedido o mesmo serviço em mais de uma oportunidade”, explicou Ana Genezini.

Os envelopes dos concorrentes serão abertos na metade de junho, e a empresa vencedora terá um prazo de 60 dias para concluir a obra.

19.5.17

Ana Genezini reitera indicação para área específica de motos próximo a faixas de pedestres

Espaço seria exclusivo para espera de motos em semáforos
A vice-presidente da Câmara, vereadora Ana Genezini (PMDB), reapresentou indicação propondo a pintura de “caixas” de espera para motociclistas em semáforos da cidade. A “caixa” corresponde a uma área delimitada, antes das faixas de pedestres, para que as motos possam esperar a abertura do semáforo com segurança. A propositura original já havia sido apresentada em julho de 2016.
A caixa de espera para motos é uma medida de segurança, pois evita que os motociclistas fiquem parados em meio aos carros, ou espremidos próximo do semáforo. A caixa organiza o trânsito, e com isso reduz as possibilidades de acidentes”, explicou.
A parlamentar sugere que a municipalidade aproveite o serviço de recuo de todas as faixas de pedestre localizadas, para que os veículos possam ter visibilidade do trânsito sem obstruir a passagem de pedestres, e já pinte as “caixas” de espera de motocicletas antes das faixas.

Ana Genezini chegou a reforçar o pedido via e-mail encaminhado diretamente ao secretário de Transportes e Defesa Social, Junior Vendemiatti.

18.5.17

Ana Genezini solicita melhorias para a Praça do Aquário

Há anos a área de lazer não recebe reformas
Nessa semana a vereadora Ana Genezini (PMDB) apresentou indicação à Prefeitura solicitando uma série de reformas na Praça do Aquário, em especial ao parquinho infantil. A parlamentar abordou o tema durante a 15ª Sessão Ordinária.
“Na semana passada minha assessora registrou algumas fotos da Praça para encaminhar à Prefeitura. Recentemente tenho enfatizado a necessidade de reformas das praças de nossa cidade, como a Praça Santana, e no caso do Aquário tenho recebido uma série de reclamações da população”, enfatizou.
Dentre os pedidos da vereadora estão a substituição da caixa de areia da área de lazer, instalação de bancos com encosto para crianças acima de um ano nos balanços, pintura dos locais acometidos com pichações, troca dos bancos de madeira da área de lazer, instalação de tampas nas lixeiras, troca do telhado na área de descanso dos funcionários, instalação de armários para uso dos funcionários, e reformas nos banheiros como instalação de espelhos, assento sanitário, saboneteira, porta papel higiênico, troca das caixas de descarga, de torneiras, do forro do teto e pintura de todo local.

“Também peço à população que não depredem o local, nossas áreas de lazer já carecem de adequada manutenção, e se a comunidade não colaborar para a preservação do patrimônio público fica difícil oferecer espaços adequados. Além disso, a manutenção é essencial para que possamos efetivar o programa Cultura na Praça, pois nas atuais condições não dá para deixar que nossos talentos das oficinas culturais utilizem nossas áreas de lazer”, concluiu.

17.5.17

Ana Genezini propõe criação do programa Patrulheiro Amigo da Mulher

Campinas aprovou programa semelhante, em que a Guarda Municipal fiscaliza o cumprimento de medidas de proteção à mulher
A vice-presidente da Câmara, vereadora Ana Genezini (PMDB), apresentou indicação na 16ª Legislatura propondo a criação do programa Patrulheiro Amigo da Mulher, que visa monitorar e garantir o cumprimento de medidas protetivas à mulher.
Inspirado no programa GM Amigo da Mulher, instituído na cidade de Campinas, o foco da proposta da parlamentar é proteger mulheres amparadas por medidas protetivas judiciais previstas na Lei Maria da Penha. Para atender ao programa, parte do contingente da Guarda Municipal receberia treinamento específico de especialistas em direitos das mulheres, como delegados, assistentes sociais e psicólogos.
Em Campinas, o encaminhamento das vítimas para se beneficiarem do programa é feito pelos órgãos de atendimento à mulher da cidade, mas com projeto para, no futuro, receber casos enviados diretamente pelo Poder Judiciário.

“As medidas protetivas à mulher nem sempre conseguem ser efetivas, pois o agressor ainda sente que há uma certa impunidade, e torna-se confiante para cometer novas agressões, ameaças e outros desrespeitos aos direitos das mulheres. O Programa Patrulheiro Amigo da Mulher visa justamente combater essa impunidade, garantir que as medidas protetivas tenham efetividade, mantendo o agressor distante da vítima”, explicou Ana Genezini.

12.5.17

Prefeitura atende pedido de Ana Genezini para estacionamento rotativo em bolsões na Avenida Independência

Objetivo é permitir que o consumidor encontre lugar para estacionar e prestigie o comércio local
Na última segunda-feira (8), a vice-presidente da Câmara de Vinhedo, vereadora Ana Genezini (PMDB) esteve reunida com o secretário municipal de Transportes e Defesa Social (SETRANDES), Junior Vendemiatti, para solicitar a implantação do estacionamento rotativo nos bolsões existentes ao longo da Avenida Independência. A proposta é tema de indicação da parlamentar e surgiu dos constantes pedidos formulados por comerciantes com o objetivo de garantir um local de fácil estacionamento para os consumidores.
Durante a reunião, Ana Genezini entregou ofício ao secretário explicando que recebeu inúmeras reclamações dos comerciantes devido ao grande número de veículos estacionados durante todo o dia nas vagas, impossibilitando a rotatividade da vaga. “A rotatividade de vagas é muito importante para que o consumidor possa estacionar e prestigiar o comércio local”, explicou a parlamentar.
Entre os principais pontos destacados estava o trecho da Av. Independência compreendido entre as ruas Luiz Brisque e São Paulo. “A colocação de placas informativas sobre o estacionamento rotativo, avisando do limite de permanência em trinta minutos com a devida advertência para a possibilidade multa e guincho é muito importante”, comentou.
O documento entregue por Ana Genezini ainda destacava que o período do estacionamento rotativo deve ser estudado e determinado pela equipe da SETRANDES, assim como a definição do tipo de penalidade que deve ser aplicada àqueles que desrespeitarem o período de permanência estabelecido nas placas de sinalização.
“Buscamos manter vagas liberadas para a utilização dos consumidores que procuram os estabelecimentos comerciais situados ao longo da referida avenida, que tem intenso e rápido fluxo de veículos, e garantindo sempre a segurança daqueles que circulam pela via”, finaliza a vereadora Ana Genezini.

Nessa sexta-feira, 12, as placas já foram instaladas nos bolsões, em atendimento à proposta da parlamentar, e o tempo máximo de permanência por vaga ficou estipulado em duas horas. Caso o veículo permaneça no local por mais tempo que o limite estará sujeito à multa e guincho.  


5.5.17

Câmara aprova moção de Ana Genezini em homenagem ao Dia Mundial do Escoteiro

Moção foi encaminhada aos grupos escoteiros 164º e 264º
Ao longo de seus mandatos a vereadora Ana Genezini (PMDB) tem realizado uma série de trabalhos voltados ao desenvolvimento e apoio aos grupos escoteiros de Vinhedo, em especial ao Grupo Escoteiro 264º Capela. Na noite dessa terça-feira, 02, a parlamentar encaminhou a Moção de Aplausos nº 107/2017, aprovada por unanimidade, que parabeniza os grupos escoteiros da cidade pelo transcurso do Dia Mundial do Escoteiro, comemorado anualmente no dia 23 de abril.
A moção foi encaminhada ao presidente do Grupo Escoteiro Vinhedo 164º, Luciano Rodrigues Barros, e ao presidente do Grupo Escoteiro 264º - Capela, Antenor Aparecido Stabile.
“No dia 23 de abril foi comemorado o Dia Mundial do Escoteiro, celebrado inclusive com um evento na Assembleia Legislativa de São Paulo. Aqui em Vinhedo temos dois grupos de escoteiro, o 164º e o 264º, que são exemplos nas atividades de escoteirismo em nossa região, sempre atuando em parceria com nossa população em campanhas de educação e conscientização cobre diferentes assuntos. Não podemos deixar passar em branco essa data, e desde já agradeço a todos os vereadores por aprovarem essa importante moção”, afirmou Ana Genezini.


17.4.17

Câmara de Vinhedo recebe aprendizes do Instituto Itacolomi em visita monitorada

Jovens atendidos pelo Instituto conheceram o Legislativo Municipal, o trabalho dos vereadores e a estrutura administrativa da Casa de Leis vinhedense

O presidente da Câmara Municipal de Vinhedo, vereador Nil Ramos (PSDB), a vice-presidente Ana Genezini (PMDB), e o vereador Paulinho Palmeira (PV) receberam nesta quarta-feira, 12, a visita de alunos do Instituto de Apoio Social de Vinhedo – Itacolomi. Cerca de 30 jovens foram recebidos e realizaram visita monitorada à Casa de Leis vinhedense. De caráter educacional, a ação foi proposta pela diretoria do Itacolomi, visando a aproximação dos jovens com os Poderes instituídos.

Acompanhados pela coordenadora Amanda Salomão e pela educadora Daniela Matheus, os jovens puderam compreender conteúdos de cidadania, administração e gestão pública. “A proposta é que os aprendizes conheçam o papel de cada um dos Três Poderes na prática, uma vez que o tema já foi estudado no âmbito de cidadania e política em sala de aula”, explicou Amanda Salomão.

Divididos em grupos, os jovens realizaram as visitas em dois períodos - uma pela manhã e outra na parte da tarde. Nos dois períodos a explanação foi realizada pelo próprio presidente Nil Ramos, que explicou o papel do Poder Legislativo, a importância da política, as funções de cada um dos Poderes Públicos, o trabalho do vereador e os instrumentos de trabalho disponíveis no Legislativo Municipal. Em uma breve dinâmica, os alunos puderam tomar assento nas cadeiras do plenário e fazer uso da tribuna.

O encontro terminou com uma visita pelas dependências da Câmara Municipal, através da qual os aprendizes compreenderam a organização administrativa da entidade e a tramitação de toda a documentação.

Nil Ramos respondeu várias perguntas feitas pelos jovens e ressaltou a importância dos estudos e do interesse por política: “Eu não imaginei que um dia estaria ocupando a cadeira de presidente da Câmara e, assim como aconteceu comigo, isso pode ser uma realidade para cada um de vocês. A política tem a função de organizar a sociedade e fazer o bem. Participem, fiscalizem e façam  sua parte como cidadãos”.


Todos os jovens aprendizes receberam exemplares da Lei Orgânica Municipal de Vinhedo e foram convidados a navegar no website da Câmara e pesquisar o Portal Transparência da Casa de Leis de Vinhedo.

12.4.17

Ana Genezini pede à Prefeitura aquisição de vacinas contra febre amarela

Parlamentar citou a inclusão da cidade em lista de áreas de risco
Em discurso proferido na 10ª Sessão Ordinária, realizada nessa segunda-feira, 10, a vice-presidente da Câmara, vereadora Ana Genezini (PMDB), alertou quanto à necessidade de a Prefeitura adquirir mais vacinas contra a febre amarela, a fim de imunizar a população vinhedense.
Em notícia divulgada por veículo de imprensa de circulação nacional, Vinhedo, assim como outras cidades da Região Metropolitana de Campinas (RMC), foi incluída na lista de municípios com recomendação do Ministério da Saúde para uso da vacina contra febre amarela.
“Peço ao secretário de Saúde que adiante a questão das vacinas contra febre amarela. A imprensa divulgou que Campinas e 19 cidades da região já entraram na lista de municípios com recomendação para uso da vacina contra febre amarela. Sabemos que vários munícipes têm buscado a UBS da Vila Planalto para se vacinarem antes de viajar a regiões onde há incidência de casos, porém, Vinhedo recebe essas vacinas da DIR XII de Campinas, da Secretaria de Estado da Saúde, portanto, o município não tem informação sobre quando receberão novas vacinas e nem quantas doses, deixando a população totalmente desinformada. É importante que a Secretaria de Saúde finalmente se organize para atender a população vinhedense, para que tenhamos disponível a vacina contra a febre amarela para todos vinhedenses”, enfatizou.

1.4.17

Câmara aprova projeto de Ana Genezini para instalação de câmeras de monitoramento em prédios públicos

Proposta foi aprovada por unanimidade, dispensando segunda votação

Na noite de dessa segunda-feira, 27, a Câmara aprovou por unanimidade o projeto de Lei nº 07/2017, de autoria da vereadora Ana Genezini (PMDB), e que dispõe sobre a obrigatoriedade de instalação de sistema de monitoramento por câmeras nos prédios públicos do município.

Originalmente apresentado pela parlamentar na forma de minuta de projeto, ainda em mandatos anteriores, a proposta não era reencaminhada pela Prefeitura à Câmara para votação. Em outras oportunidades, a vereadora apresentou o pedido como projeto de Lei de iniciativa da Câmara, recebendo parecer de inconstitucionalidade por vício de iniciativa, uma vez que, por gerar custos ao erário público, teoricamente a iniciativa seria exclusiva do Executivo.

Esse empecilho para a propositura do projeto foi derrubado após o Supremo Tribunal Federal (STF) ter decidido pela constitucionalidade de projeto semelhante, de origem da Câmara Municipal do Rio de Janeiro.

Proposto em setembro do ano passado, o projeto do Legislativo da capital fluminense foi rejeitado pelo Executivo por suposta inconstitucionalidade, entendimento mantido em sede judicial pelo Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro. A Câmara do Rio de Janeiro precisou recorrer ao STF para garantir a sanção da lei pelo prefeito carioca.

Ao encaminhar a votação do projeto, Ana Genezini citou a jurisprudência favorável à medida e ressaltou a importância da aprovação da propositura para coibir os recentes furtos e depredações às escolas de Vinhedo.


Vivemos um momento de ocorrencias frequentes de atos de vandalismo, pichação em prédios públicos, de furtos às escolas, centros educacionais de nossa cidade, e, na época do incêndio criminoso no CIC Eduardo Von Zuben, por exemplo, se não fosse um sistema de monitoramento da própria escola, jamais descobriríamos os responsáveis. Só os custos da Prefeitura com a reforma do CIC e das demais unidades que sofreram atos de vandalismo, e para a reposição de itens roubados, já daria para ter colocado em prática esse projeto. Finalmente, após inúmeros pareceres de inconstitucionalidade sobre esse projeto ao longo dos anos que tenho o apresentado, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu favoravelmente pedido da Câmara Municipal do Rio de Janeiro, decidindo pela constitucionalidade do projeto oriundo do Legislativo daquela cidade, cuja proposta é a mesma que a nossa agora, o que abriu o caminho para que o projeto vinhedense possa ser aprovado”, explicou Ana Genezini.

15.3.17

Ana Genezini volta a pedir monitoramento por câmeras em prédios públicos

Parlamentar citou novos casos de vandalismo na cidade
A vereadora Ana Genezini (PMDB) é autora de projeto de Lei, em tramitação na Câmara, que dispõe sobre a obrigatoriedade de instalação de sistema de monitoramento por câmeras nos prédios públicos do município. Durante pronunciamento na 6ª Sessão Ordinária, realizado nessa segunda-feira, 13, a parlamentar voltou a citar a importância da medida ao comentar sobre novos casos de vandalismo, depredação e furtos às escolas de Vinhedo.
“Na noite de hoje já nos informaram que a Escola Municipal Integração também sofreu com ação de furto nessa semana. Enquanto também já é sabido que o CEI Tia Anastácia foi invadido três vezes em apenas uma semana. Já basta, é mais do que urgente a instalação de sistema de monitoramento por vídeo no nosso patrimônio público. Digo nosso, pois o patrimônio não é da administração municipal, mas sim do povo de Vinhedo”, enfatizou.
O projeto, de nº 07/2017, havia sido contestado por teoricamente sua iniciativa caber ao Executivo, porém, já conta com parecer favorável da assessoria jurídica da Câmara, e atualmente está em análise pela Comissão de Justiça. Redação, Ética e Cidadania do Legislativo vinhedense, para, em breve, ser posto em votação.

“O projeto dispõe sobre o uso obrigatório do sistema de segurança por vídeo em todos os prédios públicos municipais. Em breve iremos votar esse projeto, que já está tramitando nas comissões dessa Casa de Leis, e conta com parecer favorável da assessoria jurídica da Câmara acerca da constitucionalidade da proposta, até porque há jurisprudência favorável no Supremo Tribunal Federal quanto à legalidade da iniciativa do Legislativo”, concluiu.

9.3.17

Vereadores apresentam moções ao governo estadual propondo melhorias em rodovias

Moções foram assinadas por Ana Genezini (PMDB), Nil Ramos (PSDB) e Paulinho Palmeira (PV)
Duas Moções de Apelo de autoria dos vereadores Paulinho Palmeira (PV), Ana Genezini (PMDB) e do presidente da Câmara, Nil Ramos (PSDB), foram aprovadas na 5ª Sessão Ordinária da 17ª Legislatura, realizada nessa segunda-feira, 06, ambas solicitando melhorias no trânsito em rodovias estaduais que cortam Vinhedo.
A Moção de Apelo nº 50/2017, encaminhada ao governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, ao secretário estadual de Logística e Transportes, Alberto José Macedo Filho, e ao superintendente do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), Armando Costa Ferreira, pede a construção de um anel viário na Rodovia Miguel Melhado Campos (SP-324), a popular Vinhedo-Viracopos, na altura do km 77, a fim de garantir acesso seguro dos veículos à Rua João Edueta, uma das principais rotas de acesso à região da Capela.
“A situação do acesso à Rua João Edueta pela Miguel Melhado Campos é crítica, muitos acidentes já foram registrados no local, boa parte com vítimas fatais. O intuito da moção é dar ciência ao Estado da urgente necessidade de melhoria no acesso”, enfatizou Nil Ramos.
Já a segunda moção, de nº 51/2017, também encaminhada às mesmas autoridades estaduais, propõe a construção de uma rotatória ou instalação de semáforo na confluência da Rodovia Visconde de Porto Seguro (SP-332), continuação da Estrada da Boiada sentido Valinhos, com a Rua Afonso Garbuio, no bairro Vista Alegre.
“Esses dois trechos de confluência de rodovias estaduais com ruas de grande movimento em nossa cidade são ponto reconhecidos em nossa cidade pela frequência de acidentes e pela dificuldade de tráfego como um todo. Essas melhorias se fazem urgentes, e já são cobradas por nossa população há muitos anos”, explicou Ana Genezini.

Paulinho Palmeira ressaltou que esta Moção de Apelo já foi encaminhada em outra oportunidade e cobra do governo do Estado a execução dessas melhorias que são de extrema necessidade. “Sabemos que o Estado tem uma série de serviços de urgência, mas estamos há tempos solicitando e nada foi feito. Tais melhorias são urgentes e visam a segurança das pessoas”.

3.3.17

Por meio de Moção Ana Genezini pede urgência na tramitação de projeto voltado aos idosos na Câmara dos Deputados

Projeto trata da regulamentação da profissão de Gerontólogo
A Câmara de Vinhedo aprovou por unanimidade na 4ª Sessão Ordinária, realizada nessa quarta-feira, 01, a Moção de Apelo nº 39/2017, de autoria da vereadora Ana Genezini (PMDB) e encaminhada ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM).
A Moção solicita ao deputado federal a colocação em tramitação de urgência do projeto de Lei nº 6.764/2016, que dispõe sobre a regulamentação da profissão de Gerentólogo, profissional responsável por serviços de atenção ao idoso, como a elaboração de planos de atenção integral à pessoa idosa; planejar, organizar, coordenar, executar e avaliar programas, serviços, políticas e modalidades assistenciais ao idoso, entre outras competências.
O projeto em tramitação na Câmara dos Deputados também regula o tecnólogo em gerontologia, cuja atribuição consiste em desenvolver pesquisas na área de envelhecimento humano; participar como técnico de nível superior em grupos de saúde, sanitarismo, nutrição e fisioterapia; integrar equipes profissionais no âmbito da indústria farmacêutica e cosmética; entre outras funções.
No Brasil, o primeiro curso de graduação em gerontologia foi ofertado pela Universidade de São Paulo (USP) em 2005, até então cursos na área só estavam disponíveis como pós-graduação.
“O objetivo da Moção é acelerar a tramitação desse importante projeto na Câmara dos Deputados, uma vez que aprovada melhorará em muito a qualidade de vida dos idosos, que poderão contar com mais profissionais especializados para seu acompanhamento”, explicou Ana Genezini.

O projeto de Lei nº 6.764/2016 ainda precisa ser analisado pelas comissões de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa; de Trabalho, de Administração e Serviço Público; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

22.2.17

Prefeitura planeja implantação de tarifa social de água e esgoto, proposta de Ana Genezini

Recentemente a Prefeitura de Vinhedo anunciou que já está estudando a viabilidade de implantação da tarifa social de água e esgoto. A medida, que é um benefício voltado à população de baixa renda, atende à proposta da vereadora Ana Genezini (PMDB), apresentada nessa legislatura por meio da indicação nº 167/2017, mas debatida pela parlamentar desde o ano de 2009.
A indicação propõe ao Executivo o envio à Câmara de projeto de Lei para alteração da Lei Municipal nº 2826 de 2005, que trata das atribuições e competências da Sanebavi, a fim de instituir em Vinhedo a tarifa social de água e esgoto.
Com o objetivo de implantar esse benefício no município, o prefeito Jaime Cruz se reuniu nos últimos dias com o diretor técnico da Agência Reguladora dos Serviços de Saneamento das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (ARES-PCJ), Carlos Roberto Gravina, e com o superintendente da Sanebavi, Danilo Ferraz, para discutir a viabilização da concessão do benefício à população de baixa renda do município.
A tarifa social é uma redução para usuários residenciais, que deverá representar uma economia no valor das contas de água e esgoto. O estudo para sua implantação ainda está em fase inicial e o formato da tarifa social, com percentuais de desconto e quais faixas populacionais serão atendidas, somente será divulgado após a conclusão do levantamento.

Ainda em outros mandatos encaminhei minuta de projeto à Prefeitura para implantação da tarifa social de água e esgoto, e acredito que para tudo há um momento. Tenho certeza que essa tarifa irá beneficiar inúmeras famílias, não à toa luto por isso há anos. Precisamos disso, reunir esforços para trabalhar pelo ser humano”, explicou Ana Genezini durante pronunciamento na 3ª Sessão Ordinária.